Posts

Beto Carrero de Excelência no Turismo premia destaques de SC em quatro categorias e bate recorde de votação

 

Os maiores destaques do turismo catarinense foram premiados com o Título Beto Carrero de Excelência no Turismo 2018. Foram 12 homenageados de diversas regiões do estado (acompanhe a lista abaixo). A cerimônia de entrega reuniu autoridades e convidados no Beto Carrero World, em Penha, na manhã desta terça-feira, 04.

A finalidade do título é homenagear e reconhecer as pessoas e instituições que tenham contribuído de forma relevante para a divulgação e o desenvolvimento da atividade turística catarinense.

Em 2018 foi realizada uma alteração do prêmio, regulamentada pelo decreto nº 1.769/2018, que permitiu a descentralização do processo, ao oportunizar a efetiva integração das 12 Instâncias de Governança Regionais (IGRs) de Santa Catarina. O processo de seleção dos candidatos ao Título contou com as seguintes etapas: indicação pelas IGRs dos candidatos da respectiva região turística em cada categoria; escolha, pelo Conselho Estadual de Turismo (CET), de um indicado por categoria, por região turística, dentre os indicados pelas IGRs; e, finalmente, eleição, mediante voto popular, dos vencedores das quatro categorias, dentre os escolhidos pelo CET.

O CET escolheu, dentre os indicados pelas IGRs, por maioria dos votos dos membros, um candidato de cada categoria para cada uma das 12 regiões turísticas. A escolha dos candidatos se deu por votação secreta em um formulário online. A lista dos 12 candidatos de cada categoria escolhidos pelos membros do CET ficou disponível no site da Santa Catarina Turismo (SANTUR) para votação popular (http://turismo.sc.gov.br/). O processo ficou aberto do dia 12 de novembro até o dia 03 de dezembro. O candidato mais votado em cada categoria foi agraciado com o Título Beto Carrero de Excelência no Turismo. Foram conferidas menções honrosas ao segundo e terceiro candidatos mais votados.

Criada há 10 anos, esta edição do título bateu recorde: foram 15.488 votos registrados nas quatro categorias. A premiação deste ano sofreu alterações, como a inclusão de uma nova categoria, ampliando para quatro o número de homenageados. Foram premiados: uma personalidade; um município; um empreendimento e um evento de destaque no turismo catarinense.

Além disso, a forma de votação foi alterada, buscando democratizar e descentralizar o processo de escolha dos homenageados, possibilitando a participação de todas as instâncias do turismo de Santa Catarina.

Na ocasião, o secretário de Turismo, Cultura e Esporte (SOL), Tufi Michreff Neto, parabenizou os 12 premiados, que fazem o turismo de SC se destacar: “Os ganhadores demonstram que estão na linha de frente do desenvolvimento econômico do Estado”, afirma.

O secretário nacional de qualificação e promoção do turismo, Bob Santos, representou o Ministério do Turismo no evento e destacou a premiação como um reconhecimento importante àquelas pessoas e instituições que “realizam uma gestão no setor turístico com trabalho e esforço constantes”.

O governador Eduardo Pinho Moreira não pode estar presente, mas, em vídeo veiculado na solenidade, salientou que o Título é uma forma de estimular aqueles que confiam no turismo: ”São lideranças e instituições que plantaram e agora colhem resultados”.

O presidente do Beto Carrero World, Rogério Siqueira, destacou que o título é da personalidade João Batista Sérgio Murad, o Beto Carrero: “Ele foi uma pessoa única, como uma estrela, e por isso, o troféu, que inclui este símbolo, é uma forma de agradecer e reconhecer as pessoas que desenvolveram um trabalho verdadeiramente único para o turismo de Santa Catarina“.

Os vencedores

 

 

Personalidade de destaque no turismo catarinense:

1º lugar – Eraldo Vieira, da região Caminho dos Canyons

2º – Gicele Lanser Correa, do Vale Europeu

3º – Margot Rosenbrock Libório, da Costa Verde e Mar

Município de destaque no turismo catarinense:

1º lugar – Pomerode

2º – Quilombo

3º – Balneário Camboriú

Empreendimento de destaque no turismo catarinense:

1º lugar – Ar Livre Ecoturismo, da região Caminhos da Fronteira

2º – Blumenau e Vale Europeu Convention & Visitors Bureau, do Vale Europeu

3º – Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, da região Caminho dos Príncipes

Evento de destaque no turismo catarinense:

1º lugar – Volvo Ocean Race – Itajaí Stopover

2º – Oktoberfest Blumenau

3º – Oktoberfest Itapiranga

Inscrições abertas para o evento sobre o Prodetur+Turismo em Florianópolis

 

Santa Catarina recebe, no dia 12 de junho, o primeiro evento de divulgação do Prodetur+Turismo, programa do Ministério do Turismo (Mtur) que oferece linhas de crédito com prazos e juros diferenciados para o setor, a partir da parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). A abertura será às 9h, no CentroSul, em Florianópolis, com a presença do ministro do Turismo, Vinícius Lummertz e assinatura de contratos do Fundo Geral de Turismo (Fungetur).

O encontro foi incluído na programação do Congresso de Prefeitos da Federação Catarinense de Municípios (Fecam), que será realizado de 11 a 14 de junho. Interessados em participar das atividades podem fazer inscrição neste link.

Também estão confirmadas as presenças do governador de Santa Catarina, Eduardo Pinho Moreira, o secretário nacional de Estruturação do Turismo, José Antônio Parente, o secretário de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, Tufi Michreff Neto e o superintendente do Sebrae em SC, Carlos Guilherme Zigelli.

Após a abertura, representantes do MTur, Sebrae e BNDES farão um painel sobre o fomento a projetos de desenvolvimento e estruturação do setor turístico no Brasil, seguido de debate e espaço para questionamentos. O encerramento está previsto para as 13h.

A parceria entre o Mtur e o BNDES visa impulsionar o turismo brasileiro, estruturar destinos turísticos nacionais, estimular o desenvolvimento local e regional, a geração de emprego, renda e a inclusão social, de forma sustentável. “Com o Prodetur+Turismo será possível acessar recursos para viabilizar projetos nas regiões turísticas do estado que já participam do processo de planejamento e que objetivam diagnosticar fatores relacionados a competitividade no mercado nacional e internacional de turismo”, destaca o secretário Tufí Michereff.

 

PROGRAMAÇÃO

9h – Solenidade de abertura (sala – Plenária Principal)
− Participação do ministro Vinicius Lummertz como Representante do Governo Federal;
− Assinatura dos Contratos de Financiamento do Fungetur (Ministro e Presidente do BRDE)

10h10 – Apresentação do Programa Prodetur +Turismo (sala – Plenária Principal)

10h30 – Apresentação do detalhamento do Prodetur +Turismo (Auditório Arvoredo)
− Apresentação do BNDES, MTur, ABDE e SEBRAE

11h30 – Debates (Auditório Arvoredo)
− Debates mediados pela ABDE ou BRDE

13h – Encerramento

 

Fonte: Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte

Ministro Lummertz vem a Santa Catarina divulgar o Prodetur+Turismo

 

Santa Catarina sediará o primeiro evento de divulgação a gestores públicos e iniciativa privada do Prodetur+Turismo, programa do Ministério do Turismo (Mtur) que oferece linhas de crédito com prazos e juros diferenciados, a partir da parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), para melhorar a infraestrutura e atendimento ao turista. O evento será realizado no dia 7 de junho, na Associação Catarinense de Medicina, em Florianópolis, com início às 9h.

Estão confirmadas as presenças do ministro do Turismo, Vinícius Lummertz, o governador de Santa Catarina, Eduardo Pinho Moreira, o secretário nacional de Estruturação do Turismo, José Antônio Parente, o secretário de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, Tufi Michreff Neto e o superintendente do Sebrae em SC, Carlos Guilherme Zigelli.

Representantes do MTur, Sebrae e BNDES farão um painel sobre o fomento a projetos de desenvolvimento e estruturação do setor turístico no Brasil, seguido de debate e espaço para questionamentos. O encerramento está previsto para as 13h.

A parceria entre o Mtur e o BNDES visa impulsionar o turismo brasileiro, estruturar destinos turísticos nacionais, estimular o desenvolvimento local e regional, a geração de emprego, renda e a inclusão social, de forma sustentável. “Com o Prodetur+Turismo será possível acessar recursos para viabilizar projetos nas regiões turísticas do estado que já participam do processo de planejamento e que objetivam diagnosticar fatores relacionados a competitividade no mercado nacional e internacional de turismo”, destaca o secretário Tufi Michreff Neto.

 

Sobre o Prodetur+Turismo

O novo Prodetur está disponibilizando R$ 5 bilhões para financiar projetos do turismo. Para acessar o recurso, os municípios interessados têm de integrar o Mapa do Turismo Brasileiro. As propostas para obtenção de financiamento deverão contemplar principalmente projetos na área de infraestrutura turística, saneamento básico, gestão e avaliação ambiental, transporte e mobilidade urbana. As diretrizes estratégicas do programa priorizam também ações de qualificação, promoção, apoio à comercialização, pesquisa e inovação, empreendedorismo e parcerias público-privadas.

Os projetos e ações aptos a serem beneficiados pelo Prodetur+Turismo serão identificados com o Selo+Turismo, indicativo de alinhamento da proposta com a Política Nacional de Turismo, com o Plano Nacional de Turismo 2018 – 2022 e com as diretrizes do programa. O selo, segundo a Portaria Nº 74/2018, será anexado à proposta analisada e validada pelo MTur, juntamente com uma declaração de prioridade.

As propostas que obtiverem o Selo+Turismo poderão também ser apoiadas financeiramente com recursos próprios do MTur. Já os entes federativos que tiverem proposta contempladas com financiamento nacional ou internacional poderão pedir apoio técnico à Pasta para a implementação dos projetos.

Serviço:

Divulgação do Prodetur+Turismo
Dia: 07 de junho de 2018
Horário: 9h à 13h
Local: Associação Catarinense de Medicina – Rodovia José Carlos Daux, SC 401, n. 3854 – Florianópolis-SC

Informações adicionais com a Equipe de Eventos da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte – (48) 3665-7420 / 3665-7411

 

Fonte: Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte 

Leia também: Göedert Higiene apresenta linha de produtos na Exprotel 2018

 

Seminário debate desenvolvimento do turismo nas Unidades de Conservação de Santa Catarina

A exploração turística de forma planejada e sustentável nas Unidades de Conservação (UCs) foi tema do seminário realizado na segunda-feira, 7, no auditório da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL), na Capital. O Evento foi promovido pela SOL em parceria com o Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina e Instituto Chico Mendes de Biodoversidade (ICMBio).

 

 

“É um assunto extremamente relevante para o turismo. Com esse debate queremos promover um maior envolvimento entre o poder público e a iniciativa privada na gestão e exploração das UCs”, frisou o secretário Tufi Michreff Neto, na abertura do encontro.

Além do seminário, a SOL já promoveu outros dois encontros técnicos para discutir sobre qual seria o melhor mecanismo para a gestão das UCs e que tipo de estrutura seria ideal. Santa Catarina conta com sete parques estaduais e três reservas, além de parques nacionais. “Nosso trabalho, em conjunto com outros parceiros, visa traçar um diagnóstico para um projeto piloto de concessão de uma, ou mais unidades estaduais, para a exploração do turismo, dentro de parâmetros de manejo e sustentabilidade”, acrescentou o consultor técnico da SOL, Amarildo Kanitz.

Para o diretor de Biodiversidade do IMA, Rogério Rodrigues, o estado está atrasado no que diz respeito ao uso da UCs para o turismo. “Muita gente está interessada em fazer trilhas nesses locais e hoje não é permitido”, exemplificou.

O seminário também contou com a participação da coordenadora de Concessão e Negócios, do ICMBio, Larissa Moura Diehl. Ela explanou sobre as etapas que envolvem a concessão de parques nacionais para exploração turística por meio de Parcerias Público Privadas (PPP).

Na sequência, a professora Juliani Brignol Walotek, do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), campus de Garopaba, apresentou o resultado parcial do levantamento do uso turístico nas UCs do estado. A última explanação foi feita pela engenheira agrônoma Elaine Zuchiwschi sobre os atrativos turísticos das UCs administradas pelo IMA.

 

Fonte: Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte

Leia também: Em votação unânime, Bruno Breithaupt é reeleito presidente da Fecomércio SC

Tufi Michreff Neto

Novo secretário de turismo, cultura e esporte de SC promete capacitação e infraestrutura

Tufi Michreff Neto

Tufi Michreff Neto

 

Nomeado pelo governador Eduardo Pinho Moreira (PMDB) na semana passada, o administrador Tufi Michreff Neto, que também é filiado ao PMDB há 22 anos, tomou posse como o novo secretário de turismo, cultura e esporte de Santa Catarina na segunda-feira, 23, em Florianópolis. Para um auditório composto por governantes e o trade turístico do Estado, Tufi prometeu diálogo, esforço para “fazer mais com menos” e foco para dar conta das demandas até o fim do ano. Entre as prioridades, o atual responsável pela pasta, que assume no lugar de Leonel Pavan após uma possibilidade de extinção da secretaria, defendeu que irá trabalhar pela execução de projetos municipais aprovados nos três fundos, além de capacitação e infraestrutura turísticas.

A posse de Tufi é fruto da indicação do catarinense Vinícius Lummertz, que assumiu o comando do Ministério do Turismo há duas semanas. Eles trabalharam juntos no Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur). Em vídeo exibido no início da cerimônia na Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL), Lummertz destacou a amizade e o trabalho dos dois, além de colocar-se à disposição em Brasília. “Mantida por Pinho, essa será uma secretaria forte, com apoio do PMDB e do trade turístico. Estaremos trabalhando juntos para que aconteça”, declarou. Pinho Moreira, que havia cogitado acabar com a SOL, reforçou que essa é “uma pasta importante, que ganha ainda mais importância com o ministro Lummertz” pouco depois de assinar o termo de posse de Tufi.

Ao endossar a “decisão acertada” em manter a secretaria, Tufi disse em seu primeiro discurso como secretário que pretende contar com o apoio a nível ministerial. Tudo para que as políticas estejam alinhadas em Brasília e com os conselhos estaduais para o desenvolvimento turístico de Santa Catarina, que movimenta 13% da economia.

— Nós estamos levantando todas as demandas apresentadas pelas prefeituras nos fundo de turismo, cultural e de esporte. Então, ali tem um elenco de pedidos que estão sendo levantados para a gente chegar a um valor. Nós vamos conversar com o secretário da Fazenda e com o governador para ver de que forma nós vamos atender esses projetos já aprovados nesses fundos. Também vamos verificar projetos na área de turismo de capacitação e de infraestrutura que nós possamos levar ao Ministério do Turismo para que nós possamos acelerar esses processos — comentou.

Como exemplo de ação, Tufi citou a contratação de uma empresa na semana passada para capacitar as 12 regiões turísticas do Estado dentro de uma política de estruturação desses destinos. O setor teve crescimento de 6,7% em 2017 e abriu mais de mil novas vagas de emprego no mesmo período, de acordo com a Pesquisa Mensal de Serviços do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no comparativo com o ano anterior. O desempenho foi o terceiro melhor do país, atrás apenas de Goiás (11,1%) e de Pernambuco (8,2%). No mesmo período, o segmento no Brasil encolheu 6,5%.

Promessa com o edital Elizabete Anderle

Apesar do privilégio histórico dado ao turismo no Estado e reforçado por Tufi, as áreas culturais e esportivas também foram mencionadas pelo novo secretário. Ele lembrou o investimento recorde no Prêmio Catarinense de Cinema 2018, que está com inscrições abertas e promete premiar 23 obras audiovisuais com R$ 8,4 milhões, sendo R$ 3,5 milhões do governo estadual e R$ 4,9 milhões da Agência Nacional de Cinema (Ancine).

— É 40% mais do que foi investido nas dez edições desse prêmio. Também estamos conversando com o governador para que possamos garantir este ano o lançamento do edital Elizabete Anderle — prometeu Tufi, que reforçou a importância da Fundação Catarinense de Cultura (FCC).

O novo secretário informou ainda que, no esporte, por meio da Fesporte, vai fomentar os Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc), Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc), Jogos Abertos da Terceira Idade (Jasti), Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) e a Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc).

Também participaram do ato os presidentes da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), Ozeas Mafra Filho; da Fesporte, Erivaldo Caetano Júnior; da Santur, Valdir Rubens Walendowsky, prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, presidente da Câmara de Vereadores, Guilherme Pereira de Paulo; deputados estaduais e federais e outras autoridades.

Perfil

Pós-graduado em economia e gestão, com foco em planejamento, orçamento e gestão pública, pela Fundação Getúlio Vargas e bacharel em Administração pela Faculdade Estácio de Sá de São José, em Santa Catarina, Tufi Michreff Neto foi diretor de Administração e Finanças da Embratur, de 2012 a 2017, foi também diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento e Urbanização (Conurb) de Joinville de 2009 a 2011.

Durante quatro anos (2005 a 2009), Tufi esteve no governo do Estado de Santa Catarina, ocupando cargos no Departamento de Transportes e Terminais da Secretaria de Estado da Infraestrutura. Lá foi gerente de Administração e Recursos Humanos, diretor administrativo e financeiro, gerente de Administração, Finanças e Contabilidade e, por fim, diretor de Transportes.

 

Fonte:  ClicRBS

Leia também: Informativo ABIH-SC 19 de abril

Tufi Michreff Neto (à esquerda) foi anunciado novo secretário de Turismo de SC.

Tufi Michreff Neto é o novo secretário de turismo de SC

Tufi Michreff Neto (à esquerda) foi anunciado novo secretário de Turismo de SC.

Tufi Michreff Neto (à esquerda) foi anunciado novo secretário de Turismo de SC. (Foto: Julio Cavalheiro/Secom)

Quase um mês após divulgar a extinção da pasta de Turismo de SC, governo anuncia novo secretário

 

Menos de um mês de ter anunciado a extinção da Secretaria de Turismo, Cultura e Esporte de Santa Catarina, o governador de Santa Catarina, Eduardo Pinho Moreira (MDB), divulgou na segunda-feira (16) que escolheu o novo titular da pasta: Tufi Michreff Neto. A data da nomeação por enquanto ainda não foi marcada.

O anúncio também foi feito menos de uma semana após a posse do ministro do Turismo, Vinicius Lummertz (MDB), que é de Santa Catarina. O setor representa cerca de 13% do PIB (Produto Interno Bruto) catarinense, segundo o governo, e contribui “de forma significativa” com a arrecadação estadual.

Perfil

 

Tufi Michreff Neto foi diretor de Administração e Finanças da Embratur (2012 a 2017), e vice-presidente da Companhia de Desenvolvimento e Urbanização (Conurb) de Joinville (2009 a 2011). Trabalhou na Secretaria de Estado da Infraestrutura, onde ocupou diferentes cargos entre os anos de 2005 e 2009.

Ele é pós-graduado em economia e gestão, com foco em planejamento, orçamento e gestão pública, pela Fundação Getúlio Vargas e bacharel em administração pela Faculdade Estácio de Sá de São José.

Fonte: G1

Leia também: