Posts

ABIH-SC prestigia posse de Flavia Didomenico como nova presidente da Santur

 

A nova presidente da Santur S.A., Flavia Didomenico, tomou posse na tarde desta quinta-feira, 21, em cerimônia realizada no auditório da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL). O governador Carlos Moisés, a vice Daniela Reinehr, outras autoridades do Governo de Santa Catarina e representantes de entidades ligadas ao turismo acompanharam o ato.

No discurso de posse, Flavia antecipou que vai trabalhar para promover o desenvolvimento do turismo com respeito às características de cada região do Estado, além de estratégias segmentadas para áreas como turismo náutico, termalismo, gastronomia, eventos, enoturismo, turismo cervejeiro e da cachaça, entre outros segmentos.

“Temos uma importante missão, que é transformar em desenvolvimento econômico todo o potencial que Santa Catarina tem no turismo”, destacou Flavia. A Santur vai absorver as atribuições relacionadas ao turismo que antes eram da SOL. Assim, passará a planejar e executar políticas públicas voltadas para o setor, além de promover os atrativos catarinenses. “Vejo essa fusão como algo muito positivo. Vamos unificar as ações e pensar em conjunto com as demais secretarias”, afirmou.

Dados para planejar o turismo

Flavia antecipou que pretende implantar mecanismos para extrair números e informações que auxiliem na elaboração de projetos e políticas públicas. Na avaliação dela, são esses dados que permitirão à Santur conhecer melhor o público que visita Santa Catarina e identificar as ações e programas que revertam melhores resultados. “Temos um desafio muito grande para trabalhar o marketing, transformar, digitalizar e acompanhar a evolução internacional na promoção do turismo”, afirmou a nova presidente. “Precisamos trazer o investidor e mostrar que este é o nosso ambiente de negócios e ele é favorável”, resumiu Flavia.

Critério técnico

Além do governador e da vice, participaram da solenidade os secretários da Casa Civil, Douglas Borba, e de Desenvolvimento Econômico Sustentável, Lucas Esmeraldino, o presidente do Conselho Estadual de Turismo, Rogério Siqueira, dirigentes de entidades do trade, secretários municipais de turismo, servidores da SOL e funcionários da Santur.

O governador Moisés enalteceu a experiência de Flavia e reforçou que a considera a pessoa certa para liderar o desenvolvimento turístico catarinense. “Ver como a Flavia pensa e entende o turismo fortalece a nossa vontade de fazer um governo técnico, feito por pessoas que tenham capacitação, experiência e formação na área”, declarou. Ele destacou a importância do setor, que é responsável por aproximadamente 13% do Produto Interno Bruto (PIB) de Santa Catarina e pediu um trabalho pensado para todo o estado, considerando os potenciais de todas as regiões.

Flavia é especialista em Planejamento, Gestão e Marketing Turístico e bacharel em Turismo e Hotelaria. Ela já foi professora em cursos de ensino superior, trabalhou nas áreas de hotelaria, alimentos e bebidas e, mais recentemente, atuou como consultora em todas as regiões catarinenses para construir políticas públicas para municípios, por meio do desenvolvimento de planos municipais de turismo. Flavia é natural de Chapecó e reside em Florianópolis há duas décadas.

O secretário de Desenvolvimento Econômico Sustentável, Lucas Esmeraldino, endossou a expectativa de que o turismo em Santa Catarina será beneficiado com a nova gestão e o novo modelo. “Desejo votos de sucesso à Flavia Didomenico, competente e experiente nas questões atinentes ao segmento. Reitero sempre nosso propósito de colocar Santa Catarina — esse estado privilegiado, plural e dinâmico, com formação multiétnica e gente hospitaleira — no mapa do turismo do mundo”, frisou.

Turismo planejado de forma integrada

A incorporação das atribuições da SOL por parte da Santur foi bem-vista por representantes do setor turístico. Presidente do Beto Carrero World e do Conselho Estadual de Turismo, Rogério Siqueira acredita que a unificação do trabalho trará resultados positivos para o setor em Santa Catarina. “O trade e o Conselho entendem que racionalizará todo o trabalho que era feito pelas duas entidades. Agora vai se fortalecer com toda a experiência dos servidores das duas casas. É uma grande oportunidade que o governo tem de promover uma política de Estado, mais perene, plurianual, que dê segurança jurídica e assuma toda a estrutura que já existe hoje e possa se desenvolver ainda mais”, avaliou Siqueira.

A posse também marcou a despedida do ex-presidente da Santur, Valdir Rubens Walendowsky, que exerceu a função por mais de dez anos. Ele agradeceu aos colaboradores e representantes das entidades ligadas ao turismo. Walendowsky valorizou a expansão do planejamento do turismo para o interior catarinense durante a gestão. “Se hoje nosso Estado é protagonista do turismo nacional e na América do Sul é por conta de um trabalho de regionalização feito em conjunto com todo o trade”, reconheceu.

A posse oficial da nova presidente e da diretoria executiva da Santur se deu na segunda-feira, 18, durante reunião do Conselho de Administração da empresa. Assumiu como diretor de marketing, Ramon Fernandes de Jesus, como diretor de Planejamento e Desenvolvimento Turístico, Leandro Ferrari Lobo, e como diretor administrativo-financeiro, William Ribeiro Goulart. Eles se unem a Izabel Paiva de Lima, diretora de Sistemas da Informação, eleita pelos funcionários em pleito realizado em 2017.

 

Fonte: Santur

 

Comissão estuda modelo de concessão dos centros de eventos de Balneário e Florianópolis

 

O pacote de documentos que estabelece o modelo de concessão do Centro de Eventos de Balneário Camboriú deve ser finalizado na primeira quinzena de abril. A expectativa foi divulgada pela comissão que estuda o modelo, formada por servidores das Secretarias de Planejamento (SPG), Turismo (SOL), SC Parcerias (SC Par) e Santur, em reunião realizada no fim da tarde de terça, 19.

A equipe atua na elaboração do termo de referência e minuta do edital e executa diversos estudos para definição de premissas de mercado e benchmarking. Uma nova reunião deve acontecer em cerca de um mês.

O Centro de Eventos está em fase de acabamento. Na próxima segunda, 25, acontece a abertura dos envelopes com as propostas das empresas interessadas na instalação das divisórias móveis.

A reunião foi liderada pela nova presidente da Santur, Flavia Didomenico e contou com a participação de mais 13 servidores da SOL, Santur, SC Par e do Escritório de Projetos da SC Par.

 

Fonte: Santur

ABIH-SC presente no 6º Meeting da SOL

A ABIH-SC esteve presente em mais um Meeting com a SOL. Desta vez foi na cidade de Caçador, 6º Meeting do Vale do Contestado. Onde uma vasta programação foi apresentada durante todo o dia 18, com o objetivo de discutir a Gestão Participativa e Sustentável do Turismo no Vale do Contestado com Gestores Municipais, Regionais de Turismo, Associações Municipais, Comerciais, Gestores do Trade Turístico, Instituições de Ensino Superior e a comunidade.

 

Dinâmica durante palestra

Dinâmica durante palestra

 

Os convidados presentes enalteceram a participação de todos e se encantaram com as apresentações dos cases que mostraram a grandiosidade e potencial da região. Um dos cases apresentados foi o do Hotel Kindermman, pelo Sr. Richard Kindermman que contextualizou o crescimento do hotel à demanda e desenvolvimento da região. A Relações Públicas da ABIH-SC, Lara Perdigão, proferiu a palestra,” O papel de cada entidade no desenvolvimento regional do turismo”, e finalizou sua fala dizendo: que sejamos, cada um de nós, você, a qualidade da prestação de serviço e do produto que a sua região deseja ofertar ao turista.

Sr. Richard Kindermman - Créditos da imagem: Margot Bom Hede

Sr. Richard Kindermman                              Créditos da imagem: Margot Bom Hede

 

 

Informativo Abih-SC

Informativo ABIH-SC 05 de julho

Informativo Abih-SC

No Informativo ABIH-SC de 05 de julho você vai ler:

Tecnologia da Comunicação a serviço do comercial do Hotel ;-Nota de Esclarecimento da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL);-Temporada Bandeira Azul tem aumento de 50%;-Festival de Dança gera expectativas positivas para a hotelaria de Joinville (SC);-Região Costa Verde & Mar de SC Confirma Participação no FESTURIS;-Linha Premium é destaque da Agemed no Encatho & Exprotel 2018;-Asksuite apresenta novidade no 31ºEncatho & Exprotel;-Altenburg – Presença confirmada no 31º Encatho & Exprotel;-Faça sua inscrição no Cadastur!!;-Associados ABIH-SC.

 

Leia também: Nota de Esclarecimento da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL)

Encontro em Gaspar debaterá gestão e sustentabilidade do turismo

A Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL) promove na quarta-feira, 4 de julho, a quinta edição do Meeting de Turismo, desta vez voltado às regiões Vale Europeu, Caminho dos Príncipes e Costa Verde & Mar. O evento será realizado na Associação Desportiva e Classista Bunge, em Gaspar, com início às 9h.

O objetivo do encontro é sensibilizar e discutir sobre o tema Gestão Participativa e Sustentável do Turismo, envolvendo gestores municipais e regionais de turismo, associações municipais e comerciais, representantes do trade e instituições de ensino superior das três regiões. As inscrições podem ser feitas neste link.

 

Confira a programação completa:

9h – Credenciamento

9h15 – Abertura

9h30 – Fala do Secretário de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, Tufi Michreff Neto

9h50 – Fala do Diretor de Políticas Integradas do Lazer, Jorge Dolzan

10h10 – Painel: Desenvolvimento Regional através do Turismo de Negócios e Eventos

Palestrantes: Ana Paula Cardozo – Diretora de Projetos Estruturantes – SOL

Ricardo Stodieck – Secretário de Turismo de Blumenau

11h30 – Intervalo para Almoço

13h30 – Palestra: O Papel das Entidades no Fortalecimento do Turismo Regional

Lara Perdigão – Diretora de Eventos da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis – Santa Catarina (ABIH-SC)

 

14h – Apresentação de Cases

Vale Europeu:

Case 1 – Novos produtos turísticos do Vale Europeu

Case 2 – Cicloturismo e o desenvolvimento da região

Case 3 – Buchamnn Eventos

Caminho dos Príncipes:

Case 1 – Consórcio Quiriri

Case 2 – Região Caminho dos Príncipes

Costa Verde e Mar:

Case 1 – Costa Verde & Mar – um Destino Turístico Inteligente

Case 2 – Projeto Visite BC e Região: uma parceria público-privada para a promoção do destino.

 

17h – Encerramento

 

Local: Associação Desportiva e Classista Bunge – Rodovia jorge Lacerda, 4187 – Gaspar-SC

 

Fonte: Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte

Informativo 14 de junho

Informativo ABIH-SC 14 de junho

Informativo 14 de junho

 

No Informativo ABIH-SC de 14 de junho você vai ler:

Inscrições gratuitas para o Encatho & Exprotel 2018 ;-SC pode obter R$ 500 milhões do Prodetur+Turismo para projetos estruturantes;-Secretário Michereff apresenta ao Conselho Estadual de Turismo ações da SOL;-Embratur promove arte e cultura brasileira para trade britânico;-São Francisco do Sul analisa cobrar taxa de proteção ambiental para turistas na temporada de verão.;-Carnaval veneziano movimenta turismo em Santa Catarina;-Faça sua inscrição no Cadastur!!;-Associados ABIH-SC.

 

Leia também: Turismo reativa contratações nos primeiros quatro meses de 2018

Secretário Michereff apresenta ao Conselho Estadual de Turismo ações da SOL

 

Uma síntese dos trabalhos que estão sendo desenvolvidos pela Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL) foi apresentada ao Conselho Estadual de Turismo pelo secretário Tufí Michereff, na reunião ordinária do colegiado realizada na terça-feira, 12, em Florianópolis.

O secretário explanou sobre as negociações com o Ministério do Turismo para a liberação de recursos para diferentes demandas do estado, como os R$ 16 milhões para o Centro de Eventos de Balneário Camboriú, destinados à aquisição de equipamentos. No final de maio foi entregue à prefeitura de Balneário Camboriú e à empresa Autopista Litoral Sul o estudo do Deinfra sobre as obras de acesso, que são de responsabilidade do município. Sobre a gestão do espaço, a SOL estuda a possibilidade de criar uma comissão para definir critérios de utilização do espaço, até que seja realizada a licitação para concessão definitiva.

Recursos do MTur, no valor de R$ 3 milhões, também estão assegurados para auxiliar Santa Catarina a ampliar a certificação do programa Bandeira Azul para praias e balneários. Pelo menos seis municípios catarinenses deverão receber apoio para os trâmites necessários para a certificação internacional. “Temos atualmente quatro certificações, mas temos potencial para muito mais”, afirmou o secretário.

Ainda nas articulações em Brasília, Michereff esteve com o senador catarinense Dalírio Beber, relator da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2019, solicitando que sejam incluídos no orçamento da União recursos para a renovação e revitalização de duas rodovias turísticas catarinenses.

Para a SC-114, rota conhecida como “Caminhos da Neve”, o secretário informou aos conselheiros sobre o repasse de mais R$ 3 milhões do Funturismo para a continuidade das obras. Metade do valor foi repassado em maio e o restante, que estava previsto para setembro, deverá ser antecipado. “O Deinfra tem um contrato com o Exército para execução da obra e ambos querem acelerar o processo, por isso estamos fazendo um esforço para liberar o recurso o quanto antes”, disse.

O presidente do Conselho, Rogério Siqueira, destacou que o colegiado está à disposição do secretário e da SOL para contribuir nas ações que forem necessárias. “Temos três câmaras temáticas organizadas, de capacitação, marketing e infraestrutura, que são capazes de se posicionar sobre qualquer assunto da Secretaria e estão à disposição para auxiliar”, frisou Siqueira.

Temporada de verão

A versão preliminar do catálogo que reúne dados temporada de verão 2017/2018 em Santa Catarina foi apresentada pelo secretário aos conselheiros. O material, sugerido pelo próprio colegiado, foi organizado pela equipe da SOL, com dados de diferentes pesquisas realizadas por entidades parceiras e informações de órgãos de governo. Em breve, o catálogo será disponibilizado em versão digital.

O secretário também informou que a SOL e a Santur estão revendo a participação em feiras e eventos, devido a necessidade de se ajustar à disponibilidade financeira do estado. “A paralisação dos caminhoneiros teve um impacto negativo na economia de Santa Catarina e isso está refletindo também nas ações de promoção do turismo”, acrescentou.

Outros assuntos abordados pelo secretário foram a participação na reunião do Zicosur, em Tucuman, na Argentina; acompanhamento das obras de acesso ao aeroporto de Florianópolis e recursos para obras na Serra Dona Francisca.

 

Fonte: Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte.

Santa Catarina receberá estrelas do vôlei de praia em etapa do Circuito Mundial

Pela primeira vez na história, Santa Catarina sediará uma etapa do Circuito Mundial de vôlei de praia. Com apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL) e Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), no valor de R$ 300 mil, Itapema receberá mais de 160 atletas de alto nível entre os dias 16 e 20 de maio. Os jogos terão entrada franca na arena montada na Meia Praia, entre as ruas 307 e 313.

A competição é uma realização da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e Federação Internacional de Voleibol (FIVB). As partidas serão exibidas pelo SporTV e uma das finais contará com exibição da TV Globo em caso de dupla brasileira na decisão. Além disso, o Facebook da CBV exibirá os duelos da fase de grupos.

“Por ser uma competição internacional, atrai olhares de várias partes do mundo, colocando Santa Catarina mais uma vez em evidência. Além disso, promove a modalidade, o que certamente despertará maior interesse dos catarinenses para essa prática esportiva”, avalia o secretário da SOL, Tufi Michreff Neto.

A expectativa para o evento mundial em Itapema é repetir o sucesso de público registrado na terceira etapa do Circuito Brasileiro Open de vôlei de praia 2017/2018, realizada em novembro do ano passado, que teve arena lotada em dois dias de competições.

 

Participações

 

O Brasil tem oito duplas (masculino e feminino) já garantidas na fase de grupos pela classificação no ranking de entradas ou wild card (convite). O número pode aumentar e chegar até 13 times, caso as duplas que disputarão o classificatório, realizado na quarta-feira (16/05), consigam avançar à parte principal do torneio.

No naipe feminino estão garantidas Ágatha/Duda (PR/SE), Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ), Maria Elisa/Carol Solberg (RJ) e Taiana/Carol Horta (CE, wild card). Entre os homens, os times já garantidos são Alison/Bruno Schmidt (ES/DF), Evandro/André Stein (RJ/ES), Pedro Solberg/George (RJ/PB) e Vitor Felipe/Guto (PB/RJ, wild card).

O torneio em Itapema será de quatro estrelas, distribuindo 150 mil dólares em premiações aos atletas, com as duplas campeãs nos dois naipes recebendo 20 mil dólares e somando 800 pontos para o ranking geral, que define os campeões da temporada. As competições são classificadas de uma a cinco estrelas com base no número de pontos e premiação.

O circuito é o principal torneio internacional de vôlei de praia no país em 2018. Desde a criação do giro, em 1989, o Brasil recebe ao menos uma etapa do Circuito Mundial por temporada. Além disso, é o maior vencedor tanto no masculino, quanto no feminino. Até agora o Brasil soma sete medalhas no Circuito Mundial 2018, sendo duas de ouro, quatro pratas e um bronze. O vôlei de praia também é o único esporte que rendeu medalha ao país em todas as edições dos Jogos.

Fonte: Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte

Leia também: Curso: Gerenciamento do Setor de Governança

Pesquisa traça perfil do viajante que utiliza via aérea para visitar Santa Catarina

O PERFÍL

Eles são paulistas, com idade entre 30 e 39 anos, permaneceram em torno de oito dias no destino e tiveram um gasto médio de R$ 372 por dia. Estes são alguns dos números que ajudam a traçar o perfil do viajante que visitou Santa Catarina de dezembro a fevereiro e que pernoitaram pelo menos uma noite no estado. A pesquisa, contratada pela Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL) e SANTUR, foi realizada na sala de embarque do Aeroporto Internacional Hercílio Luz, em Florianópolis, a partir da entrevista com 500 visitantes.

Coleta de Dados

Os dados foram apresentados ao Conselho Estadual de Turismo pela equipe do Observatório de Turismo da SOL nesta terça-feira, 8, na reunião realizada na sede da Secretaria, na Capital. “Embora seja a primeira pesquisa e não temos ainda uma série histórica, estes indicadores já nos auxiliam conhecer quem é o nosso visitante e a focar no que pode ser melhorado”, destaca o secretário Tufi Michreff Neto.

Além de uma ferramenta útil para o planejamento de ações voltadas ao recebimento desse turista, o estudo traz informações estratégicas para trabalhar o posicionamento de Santa Catarina como destino para esse público. “Esse disgnóstico é crucial para qualificar os serviços ofertados, para que esse turista não apenas retorne, mas divulgue a experiência”, acrescenta a analista de turismo da SOL, Luana Emmendoerfer. Dos entrevistados, 88,6% são brasileiros e 11,4% estrangeiros. Do público brasileiro, 61,6% são da região Sudeste do país, sendo que um terço é paulistano.

Quanto a faixa etária, 28,4% dos visitantes tem entre 30 e 39 anos, tanto para homens como para mulheres e 17,8% entre 40 e 49 anos, totalizando 46,2% dos entrevistados. O nível de escolaridade compreendeu 46,2% com superior completo e 21,4% com pós-graduação, mestrado e/ou doutorado. Com relação à renda mensal, a média individual ficou em R$ 6,8 mil. Já a renda mensal familiar foi de R$ 9,8 mil em média, e as maiores parcelas ficaram entre 5,1 a 10 salários mínimos para 27,6% dos entrevistados e 10,1 a 20 salários mínimos para 21,6%, totalizando 49,2%. A média de dependentes dessa renda familiar foi de duas pessoas.  Com relação ao grupo da viagem, 35,2% viajaram em família e 30% sozinhos. Para os entrevistados, o que mais atrai em Santa Catarina são: sol e praia (71,2 %); natureza, ecoturismo e aventura (34,6%); e cultura (29,4%), sendo que, dentre as opções, 25,2% foram visita familiar, gastronomia e visita a amigos.

O tempo médio de permanência no destino foi de oito dias. Quanto ao meio de hospedagem, 56% dos visitantes ficaram em hotel ou pousada, 25,8% hospedaram-se em casas de amigos ou parentes e 12,2% preferiram imóvel alugado. Do grupo entrevistado, 34% estava visitando pela primeira vez o estado, mas 66% afirmou que já havia visitado Santa Catarina de três a quatro vezes. Durante essa viagem, 11,6% se hospedou na região do Vale do Itajaí e 80,4% na Grande Florianópolis, sendo que 73,2% na Capital. Com relação aos itens melhor avaliados, o destaque foi o acolhimento da população, com 51,4%, seguido por alojamento/hospedagem, com 37,8% e limpeza pública, com 26,8%. Para 64,2% dos entrevistados, a segurança pública teve conceito “bom”, assim como o segmento resturantes/gastronomia (55,4%) e diversões noturnas (37,6%). Foram avaliados com o conceito “ruim” o aeroporto (23,6%), a mobilidade (13,8%) e o preço dos serviços (9,6%).

 

Fonte: Turismo Online

Leia também:Taxa de Ocupação Hoteleira 2018