Posts

“Vamos tornar o Brasil o maior destino turístico da América Latina”, afirma ministro em apresentação do Programa Investe Turismo

 

Com a presença de representantes de todos os segmentos do setor, MTur e Sebrae apresentaram, em Brasília, programa que vai alavancar turismo no Brasil

Em cerimônia realizada nesta terça-feira (28), o Ministério do Turismo, em parceria com o Sebrae e a Embratur, apresentou o Programa Investe Turismo, um pacote de ações estratégicas para alavancar o setor no Brasil. CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRE O PROGRAMA

Com investimentos iniciais de R$ 200 milhões e 158 municípios contemplados, o objetivo é acelerar o desenvolvimento, aumentar a qualidade e a competitividade e gerar empregos em 30 Rotas Turísticas Estratégicas em todas as regiões do país. Para o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, é fundamental desenvolver um trabalho integrado e focado no desenvolvimento do país.

“Vivemos um novo momento no Brasil, com o turismo no centro da agenda econômica. Já demonstramos que o setor pode ser um grande agente de promoção do nosso país, com geração de emprego e renda. Vamos transformar o Brasil no maior destino turístico da América Latina. Acreditamos e trabalharemos para isso”, destacou o ministro.

Marcelo Álvaro ressaltou ainda que o programa trará ao país um plano integrado de posicionamento da imagem do Brasil e um Mapa do Turismo Inteligente com o objetivo de fortalecer uma imagem única do Brasil e suas vocações turísticas. O ministro disse também que as ações farão parte de um plano estratégico integrado com órgãos públicos e iniciativa privada do turismo, além dos órgãos estaduais do setor nas 27 UFs.

“As parcerias nortearão campanhas de marketing para a promoção de cada rota turística contemplada de norte a sul do país. A atração de investimentos e referências das melhores práticas em produtos e serviços turísticos também estão no escopo do programa. É o turismo trabalhando para gerar emprego, renda, inclusão social e desenvolvimento ao nosso Brasil”, defendeu o ministro.

Com o intuito de aprimorar as soluções para o setor no país, o ministro afirmou ainda que trabalha para implantar no Brasil a maior incubadora de startups do mundo, Wakalua, ligada à Organização Mundial do Turismo (OMT). Na ocasião, o presidente do Sebrae Nacional, Carlos Melles, reiterou que a instituição se coloca como parceiro integral do programa com uma gama de mais de 7 mil empreendedores que podem fazer a diferença para desenvolver a atividade turística em todo o país.

A cerimônia contou com a presença de secretários estaduais de Turismo, do presidente da Comissão de Turismo, deputado federal Newton Cardoso Jr (MDB/MG), do presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Turismo, deputado federal Herculano Passos (MDB/S), além de outros parlamentares presentes, bem como instituições privadas e representantes de associações e entidades dos segmentos do setor.

SEMINÁRIOS ITINERANTES – Com o intuito de apresentar todos os projetos que serão desenvolvidos em cada localidade, dois primeiros encontros já estão previstos para a próxima semana. Um deles será em João Pessoa (PB), no dia 3 de junho, e, depois, Fortaleza, dia 7. Realização de visitas técnicas nacionais e internacionais para identificar as melhores práticas de inovação e qualificação dos produtos e serviços turísticos também estão no escopo do trabalho que será realizado pelo Investe Turismo. ACESSE O CRONOGRAMA DE SEMINÁRIOS CONFIRMADOS NOS ESTADOS.

 

Fonte: Ministério do Turismo

Turismo Summit 2018 debate inovações e o futuro do setor

Presidente da Embratur, Teté Bezerra, discursa durante a cerimônia de abertura do evento

Presidente da Embratur, Teté Bezerra, discursa durante a cerimônia de abertura do evento

 

Embratur, MTur e Sebrae promovem diálogo sobre impacto da transformação digital no turismo. Evento faz parte de convênio com investimentos de R$ 200 milhões para empresas do setor

A conferência #TurismoSummit2018 – Destinos Turísticos Inteligentes e Inovadores reuniu, nos dias 4 e 5 de setembro, na sede do Sebrae Nacional, em Brasília, gestores públicos, coordenadores dos projetos de destinos turísticos inteligentes, lideranças do setor, empresários e estudantes para debater os impactos da transformação digital no turismo e como a parceria entre a Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), o Ministério do Turismo e o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), organizadores do evento, pode auxiliar na adaptação do setor às transformações propostas pelos avanços tecnológicos.

As três instituições firmaram recentemente um Convênio de Cooperação Técnica, no valor de R$ 200 milhões, para promover a realização de ações voltadas ao aumento da competitividade das micro e pequenas empresas da cadeia produtiva do turismo. Nos próximos dois anos, serão desenvolvidas iniciativas de produção de inteligência, inovação da oferta turística, qualificação dos produtos e serviços, promoção internacional dos destinos, melhoria do acesso a serviços financeiros e atração de investimentos para o setor. Todo o montante que será investido no convênio provém de recursos do Sebrae.

Segundo a presidente da Embratur, Teté Bezerra, jogar luz sobre a pauta das inovações tecnológicas e buscar a transformação de produtos turísticos nacionais em Destinos Inteligentes são ações importantes para entender as demandas dos turistas internacionais, que estão cada vez mais conectados, se adaptar as mudanças do setor de viagens e buscar superar as expectativas dos visitantes.

“Tivemos dois dias de trabalho bastante produtivos com ricos debates sobre os novos conceitos norteadores do turismo no mundo. O #TurismoSummit2018 representa o pontapé inicial da implementação de ações de articulação, fomento do setor e atração de mais investimentos para transformar os nossos destinos turísticos”, explica.

No turismo, as mudanças tecnológicas fizeram com que o setor evoluísse da dinâmica de destinos analógicos (tradicional, off-line), para os digitais (multicanal, online) e, agora, o desafio é transformá-los em inteligentes (sensoriais).

Para o coordenador-geral de Segmentos Turísticos da Embratur, Alexandre Nakagawa, o convênio e a realização da conferência sinalizam um movimento de integração entre os órgãos envolvidos em prol do desenvolvimento do setor e da melhoria da promoção do Brasil no exterior. “A integração dos entes do Governo Federal é fundamental para uma promoção coesa tanto nacional quanto internacional, bem como na qualificação dos serviços turísticos que compõe a experiência dos turistas”, pondera.

PROGRAMAÇÃO

Entre os assuntos apresentados e debatidos na conferência, estão o Turismo na Era da Digital; o Uso de Big Data para conhecer o perfil do turista; Marketing Turístico; A gestão sustentável dos destinos; O caso de sucesso da Rota das Emoções e o Voucher Digital; A economia criativa como vetor de fomento ao turismo; A apresentação do Peru como destino de experiência e Dicas sobre como potencializar a experiência utilizando a sensorização.

As palestras, mediadas por técnicos do MTur, Embratur e Sebrae, foram ministradas por profissionais como Aline Prado, do Google Brasil; Mário Gárcia, chefe do Departamento de Big Data do destino Benidorm, na Espanha; Alexandre Garrido, especialista em sustentabilidade do grupo de trabalho na ISO de Turismo Sustentável; o economista português Carlos Martins; Mônica Sâmia, Diretora Executiva da Braztoa e a peruana Milagros Ochoa, diretora de Turismo do Escritório Comercial do Peru no Brasil, entre outros.

O #TurismoSummit2018 contou com aproximadamente 700 estudantes e profissionais do setor de turismo inscritos e reuniu autoridades e lideranças de entidades representativas do turismo nos dois dias de evento.

 

Fonte: Embratur 

A ABIH-SC no evento Destinos Turísticos Inteligentes na Prática

 

A ABIH-SC esteve presente no evento  Destinos Turísticos Inteligentes na Prática promovido pelo Sebrae, em parceria com a FIESP, FECOMÉRCIO,ACATE. O evento contou com três palestras que promoveram conhecimento e provocaram questionamentos e reflexões sobre o tema proposto: Tecnologia e Turismo. Convidada a compor o debate num formato  Fishbowl que é um formato de discussão em grupo que promove o diálogo e a troca de experiência entre os participantes da sessão e permite que todos tenham as mesmas chances de opinar e expressar seus pontos de vista, a Relações Públicas da ABIH-SC , Lara Perdigão, destacou a fala apresentada pelo Ex. Ministro do Turismo , Luiz Barreto, que ressaltou que por mais que existam tecnologias, ainda é o fator humano o diferencial no turismo, neste aspecto, citou Lara, “ainda somos pessoas servindo pessoas e que a tecnologia deve vir pra encurtar os processos de forma a favorecer o contato humano, que é a característica essencial da hospitalidade. Neste sentido, uma das ações da ABIH – SC consiste em capacitar pessoas para bem executarem seu papel nos meios de hospedagem, adaptando inclusive às inovações. O evento trouxe um momento de muita lucidez em relação ao papel de cada ator na complexidade do turismo. Ao final, foi anunciada a continuidade destas ações e todos foram contemplados com um coquetel acompanhado de uma das cervejarias que compõem o Circuito Cervejeiro da Grande Florianópolis.

 

Leia também: BNT Mercosul apresenta atividades extras e expande conceito de Feira de Turismo