Posts

Ministro destaca potencial de retomada do turismo em audiência pública

Ministro destaca potencial de retomada do turismo em audiência pública

Nenhum país vai ter uma retomada igual a nossa, pelo potencial que nós temos”. Foi o que enfatizou o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, ao participar nesta segunda-feira (29.03) de audiência pública virtual sobre o Programa Investe Turismo promovida pela Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados. O projeto, uma parceria entre o Ministério do Turismo, a Embratur e o Sebrae, busca estruturar e promover 30 roteiros estratégicos em todo o país, a partir de ações como investimentos, inovação e o incentivo a novos negócios.

Direto de Fortaleza (CE), onde oficializou um aporte de R$ 500 milhões ao Banco do Nordeste para a disponibilização de empréstimos do Fundo Geral de Turismo (Fungetur), Machado Neto elencou medidas adotadas no sentido de socorrer o setor e preparar a recuperação de atividades. “A sobrevivência do nosso setor é o que estamos lutando. Fizemos, na época do então ministro Marcelo Álvaro Antônio, o Selo Turismo Responsável, pelo qual fomos aplaudidos pelos órgãos de turismo internacional, como a OMT e o WTTC”, apontou.

O ministro defendeu o fortalecimento do Investe Turismo, por meio da parceria junto ao Sebrae, e destacou o grande potencial do Brasil no pós-pandemia defendendo, ainda, empenho por mais recursos para a promoção do país. “Precisamos nos unir para viabilizar no futuro a divulgação do país lá fora, para desfazer a imagem negativa que fazem do país. O mundo todo sabe do nosso potencial: 98% dos turistas estrangeiros que vêm ao Brasil voltam”, ressaltou.

Também presente à sessão, o presidente da Embratur, Carlos Brito, relatou esforços da Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo e do MTur pela retomada do setor. “A Embratur e o MTur nunca estiveram tão alinhados. A Embratur tem promovido campanhas que reforçam nos brasileiros o orgulho de terem nascido onde o mundo sonha em tirar férias. As ações têm encontrado no presidente Bolsonaro e no ministro Gilson dois aliados incansáveis”, enalteceu.

Já o presidente do Sebrae, Carlos Melles, detalhou a atuação da entidade no Investe Turismo que soma investimentos de cerca de R$ 290 milhões e manifestou otimismo quanto à recuperação do setor. “Temos turismo para todos os gostos. Qual país tem uma costa de cerca de 8 mil quilômetros de extensão e praias como o Brasil? Que tem o seu turismo de aventura, o turismo ambiental, esportivo? Certamente, vamos colher frutos disso”, comentou.

O presidente da Comissão de Turismo da Câmara, deputado João Carlos Bacelar, por sua vez, comemorou a aproximação entre o MTur e o Legislativo. “É de fundamental importância essa aproximação. Enquanto presidente, quero que esta Comissão seja não apenas um local de debate, mas um pilar de sustentação do ponto de vista teórico e legislativo, sempre agindo em parceria com o Executivo, o meio acadêmico, o trade, estados e municípios”, declarou.

INICIATIVAS 

A transmissão também contou com a participação do secretário nacional de Desenvolvimento e Competitividade do Turismo. William França abordou a oferta de cursos de qualificação profissional nas 30 rotas atendidas inicialmente pelo Investe Turismo. “Com um investimento de R$ 2,9 milhões, contratamos a Universidade de Brasília que identificou, nos municípios do Investe, o que havia de necessidade de qualificação. Estamos fazendo 30 cursos específicos para cada uma das rotas”, relatou.

O secretário explicou ainda o trabalho voltado à criação de Destinos Turísticos Inteligentes no país, além de tratativas junto ao Ministério da Saúde para utilizar o aplicativo Conecte SUS na compilação de dados sobre a vacinação de viajantes contra a Covid-19. A sessão teve ainda as presenças dos deputados Marx Beltrão e Marcelo Álvaro Antônio, ex-ministros do Turismo; Newton Cardoso Júnior, Leur Lomanto, Eduardo Bismarck, Herculano Passos e Felipe Carreras, entre outros.

Fonte: Mtur