Posts

Informativo abih sc Eduardo Loch Santur

Eduardo Loch, ex-Abav-SC, é o novo presidente da Santur

A governadora de Santa Catarina, Daniela Reinehr, anunciou a nomeação de Eduardo Loch para presidir a Santa Catarina Turismo (Santur). Ele substitui Leandro Ferrari, que assumiu o cargo em março de 2020, indicado pelo então governador Carlos Moisés, que está afastado do cargo.

Agente de viagens, Loch foi presidente da Abav-SC e também já ocupou os cargos de secretário de Turismo de Criciúma e presidente da Fundação Cultural.

Leandro Mané Ferrari será exonerado da presidência da Santur

Leandro Mané Ferrari será exonerado da presidência da Santur

O presidente da Agência de Desenvolvimento do Turismo de SC (Santur), Leandro ‘Mané’ Ferrari Lobo, será substituído do cargo a partir desta segunda-feira (26). O gestor, que estava à frente do órgão desde março de 2020, nomeado no governo Carlos Moisés da Silva, vai deixar a cadeira sob a gestão de Daniela Reinehr.

O substituto será Eduardo Loch, que é empresário do setor e foi presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens de SC (Abav/SC). Já exerceu cargos na Prefeitura de Criciúma e de Florianópolis, além do próprio governo do Estado, como consultor na antiga Secretaria de Turismo, Cultura e Esporte (SOL). Ele será nomeado ainda nesta segunda. 

Na semana passada, um grupo de entidades chegou a enviar um comunicado ao governo Daniela pedindo a permanência de Mané Ferrari. Assinaram o documento entidades como ACIF, ABIH-SC, Acatmar, Abrasel/SC, e Fhoresc.

Mané Ferrari foi avisado da exoneração por membros da Casa Civil na tarde desta segunda e já repassou a notícia à equipe.

Fonte: RCN

Brasileiros farão 75,5 milhões de viagens domésticas no verão

 

Crescimento é de 2% e setor projeta aumento de vendas da ordem de 18% a 20% em relação à temporada 2017/18.

 

Estimativa do Ministério do Turismo aponta para a realização de 75,5 milhões de viagens entre dezembro deste ano até fevereiro de 2019. O resultado é cerca de 2% maior em relação aos números do verão passado. A Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav) também projeta crescimento nas vendas em percentuais entre 18% e 20% no mesmo período.

São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Santa Catarina e Minas Gerais estão entre os estados que serão mais visitados no período das festas de fim de ano (Natal e Réveillon) e das férias escolares em todo o país. Outros destinos que também receberão expressivos volumes de turistas, segundo a projeção do MTur, são Rio Grande do Sul, Paraná, Ceará, Pernambuco e Goiás.

“Tenho batido muito nesta tecla, de que o turismo é um celeiro de respostas positivas pois tem uma capacidade incrível de influenciar positivamente a economia. O aumento do número de viagens gera mais oportunidades de geração de empregos temporários e movimenta o comércio e equipamentos turísticos nas nossas cidades”, avalia o ministro do Turismo, Vinicius Lummertz.

Segundo a Abav, as vendas devem manter a mesma proporcionalidade do verão passado. Ou seja, 60% das vendas para destinos nacionais e 40% para o exterior. “Tivemos uma instabilidade cambial importante este ano, revertida agora, e a projeção é de que a demanda reprimida dos meses anteriores se concretize em vendas para a alta temporada”, comenta a presidente em exercício da entidade, Magda Nassar.

Os destinos de sol e praia lideram a preferência na maior operadora de turismo do país para o período. No Nordeste, estão na dianteira destinos como Porto Seguro, Fortaleza, Maceió, Salvador e Natal. Em outras rotas destacam-se atrativos sem e com litoral, como Foz do Iguaçu, Caldas Novas (GO) e Balneário Camboriú, os dois últimos “devido aos parques aquáticos e de diversão”.

Outra grande empresa do setor, a agência de viagens online Decolar, coloca Rio de Janeiro, Porto Alegre e Natal como destinos nacionais preferidos para o Ano Novo. Entre os dez mais buscados pelo público estão também Foz do Iguaçu, Recife, Florianópolis, São Paulo, Fortaleza, Vitória e Salvador, reforçando a tese de que sol e praia ainda é o segmento mais demandado no país.

MUDANÇA – A operadora CVC identificou nesta temporada uma mudança de comportamento de viagem do brasileiro: “diferente de anos anteriores, quando os brasileiros deixaram a decisão da viagem para a última hora, neste a CVC percebe que o consumidor voltou a se planejar e tem fechado a viagem com maior antecedência, aproveitando as promoções do mercado” comenta a assessoria de comunicação da empresa.

RANKING – Segundo as estimativas do Ministério do Turismo, o estado de São Paulo deverá receber o maior contingente de turistas no período, cerca de 18% do total ou 13,65 milhões de viagens realizadas. Já o Rio de Janeiro, na segunda posição, ficará com 10,3% do volume de viagens, seguido da Bahia, com 9,5%. Santa Catarina e Minas Gerais devem ser destino de 5,86 milhões e 5,3 milhões das viagens que serão realizadas no próximo verão, que começa em 21 de dezembro próximo.

12.12.2018 Filhos de Gandhy BentoViana

 

Fonte: Ministério do Turismo