Presidente Jair Bolsonaro recebe entidades do Turismo

 

O presidente Jair Bolsonaro recebeu nesta quarta-feira (24) no Palácio do Planalto, 27 empresários e representantes das principais entidades do setor do Turismo. Acompanhados do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, eles apresentaram reivindicações para impulsionar essa cadeia produtiva no país. O grupo, liderado pelas entidades do setor, busca apoio político para dar celeridade a projetos do setor em tramitação no Congresso Nacional. “Sabemos muito bem onde estamos em relação ao turismo e onde queremos chegar e como chegar. A gente vive um novo no Brasil, momento de economia liberal, certamente o ambiente de negócios vai melhorar muito daqui para frente e temos propostas que vão realmente trazer esse investimento do capital financeiro para o Brasil”, disse o ministro. Manoel Linhares, presidente da ABIH Nacional, contou que foram apresentados os dez pleitos do setor para acelerar o crescimento do Turismo no Brasil. “Em momento descontraído, lembrei a ele que a avó da primeira dama foi hoteleira na cidade de Crateus no Ceará, proprietária do Hotel Oriente”, disse. “O presidente reconhece a importância do Turismo e assumiu o compromisso de acompanhar o andamento destes projetos de perto”, complementou.

O presidente Jair Bolsonaro com Manoel Linhares, presidente da ABIH Nacional

O presidente Jair Bolsonaro com Manoel Linhares, presidente da ABIH Nacional

Entre os projetos destacados, está a instituição de áreas especiais de interesse turístico, o que, segundo ele, engloba medidas de desburocratização e simplificação de licenças, “sobretudo ambientais”, em áreas com vocação para o turismo. Marcelo Álvaro Antônio cita como exemplo Cancún, no México, que é uma área de interesse turístico que atrai mais de 20 milhões de turistas estrangeiros por ano.

O presidente Jair Bolsonaro entre Edmar Bull e Geraldo Rocha, da Abav Nacional

O presidente Jair Bolsonaro entre Edmar Bull e Geraldo Rocha, da Abav Nacional

A meta do Ministério do Turismo é dobrar o número de visitantes estrangeiros no Brasil, que hoje é de cerca de 6 milhões ao ano, impulsionar mais os turismos de eventos e corporativo e fazer crescer o turismo de lazer.

 

Fonte: Mercado&eventos