OMT promove concurso global para startups de turismo rural

Acelerar o desenvolvimento rural por meio do turismo e favorecer o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Esta é a meta de um novo concurso global de startups realizado pela Organização Mundial do Turismo (OMT) que, até 1º de julho, vai selecionar empreendedores com ideias inovadoras para superar impactos da pandemia e ajudar comunidades rurais a aproveitar oportunidades a partir da retomada do turismo.

Para se inscrever acesse AQUI

A competição visa apoiar o combate ao despovoamento do campo, promover inclusão e reduzir desigualdades de renda e de gênero. O concurso envolve quatro categorias: pessoas (projetos que incentivem a criação de empregos e oportunidades); planeta (ideias relacionadas à proteção de recursos naturais); prosperidade (soluções baseadas em novos modelos de negócios) e propulsão da tecnologia rural (novas ferramentas digitais para promover o turismo).

Os vencedores da competição terão direito a benefícios como bolsas de estudo, tutoria da OMT e de parceiros, suporte personalizado, oportunidades de investimento, integrar a rede de inovação da entidade e participar da Assembleia Geral da OMT, que será realizada no Marrocos no mês de outubro deste ano. Os finalistas da disputa serão anunciados em 15 de agosto, com a divulgação dos ganhadores prevista para outubro.

A disputa envolve parceiros a exemplo da Air Europa, do Wakalua, da Telefonica Open Future e do Google for Startups, entre outros. O concurso se baseia no sucesso da competição promovida em 2019 pela OMT, voltada a startups espanholas de turismo rural. A disputa reuniu 136 candidaturas, tendo como vencedores a My Street Book (rotas turísticas personalizadas) e a Vanwoow (que promove o potencial de pequenas cidades rurais). Conheça AQUI as iniciativas.

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, ressalta o grande potencial do turismo rural. “O turismo rural é uma das grandes tendências do pós-pandemia, com a crescente busca por viagens em meio à natureza. E, nisso, nenhum país se compara ao Brasil, com seus inúmeros atrativos naturais preservados”, destaca.

SUPORTE – O fomento ao turismo rural no Brasil é alvo de ações do Ministério do Turismo. Em setembro de 2020, por exemplo, a Pasta firmou um acordo de cooperação técnica com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) para desenvolver o segmento. A parceria busca proporcionar o fortalecimento da participação da agricultura familiar no turismo, por meio do incentivo à promoção e à comercialização de produtos e serviços no setor.

No último dia 7 de maio, MTur, MAPA e Universidade Federal Fluminense (UFF) anunciaram oito roteiros nacionais pré-selecionados para participar do Projeto Experiências do Brasil Rural, que busca apoiar e promover o turismo no campo. Saiba mais AQUI.

Em dezembro de 2020, o MTur divulgou dados sobre o turismo rural no país. O Boletim de Inteligência de Mercado no Turismo (BIMT) elenca rotas do tipo em todas as regiões do território nacional, reunindo informações que vão nortear ações futuras. Acesse AQUI o boletim.

Fonte: Mtur