FECHADURAS: A SEGURANÇA DO HÓSPEDE

A segurança é um dos principais quesitos considerados por um cliente ao se hospedar em um hotel. Ao investir pouco na avaliação dos produtos de segurança presentes no seu hotel, a decisão de compra tende a gerar um detrimento da segurança do hóspede, da sua estadia e principalmente da sua satisfação.

Um dos grandes critérios de proteção é a presente nos quartos, que perante a lei, são considerados o domicílio do hóspede, onde o hóspede e seus pertences devem ser protegidos. O primeiro acesso com a segurança, ou seja, com a fechadura do quarto, é a que merece mais atenção.

Muitos hoteleiros não buscam mais informações sobre as diferentes fechaduras e seus benefícios. Escolher uma fechadura por preço e não pela segurança que ela pode oferecer, pode ser um erro fatal, para a segurança do hóspede e para a qualidade do hotel. Para tomar essa decisão para seu hotel é necessário conhecer e pesquisar sobre os tipos de sistemas e produtos oferecidos pelo mercado.

Dentre os tipos de sistema, os mais utilizados são:

  • Os sistemas autônomos (stand alone) são fechaduras que possuem um processador e placas lógicas alimentadas por pilhas alcalinas. Esse sistema é mais barato e mais utilizado ao redor do mundo por atender as necessidades de gerência de acesso.
  • Os sistemas online com fio possuem uma fiação para cada porta, ligados a um sistema de controle de acesso online, enquanto os sistemas online wireless operam por meio de plataformas de comunicação com as fechaduras. Sua grande vantagem é a possibilidade de realizar tudo a partir de uma central de forma imediata e aprimorada. No entanto, seu custo é superior.

E quanto aos produtos, atualmente o mercado oferece, entre os modelos mais utilizados, as fechaduras magnéticas, com acesso através da inserção de um cartão e as fechaduras por aproximaç ão, com acesso através da aproximação de um cartão.

Como pode-se perceber, existem vários modelos e várias formas de trazer a segurança para o seu hóspede. Cabe ao hoteleiro realizar a pesquisa e o planejamento para oferecer a proteção adequada que lhe caiba no bolso. Ao fazer isso, o hotel consegue trazer qualidade ao seu serviço ou produto, agregando valor à marca.