Em novembro, ABIH-SC reúne hoteleiros e fornecedores em evento presencial

Em novembro, ABIH-SC reúne hoteleiros e fornecedores em evento presencial

Produtos, serviços e consultoria especializada estão entre os destaques da rodada de negócios que movimenta Florianópolis

Com a vacinação acontecendo e as restrições diminuindo dia após dia, as pessoas começam a viajar mais, programar suas próximas férias, além de participar de eventos presenciais. Dentro deste novo cenário carregado de otimismo e crescimento, ter uma gestão comercial eficaz, contar com fornecedores que podem atender à diversas necessidades de forma rápida e com qualidade é fundamental.

Para proporcionar um momento de atualização, networking e negócios, a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Santa Catarina – ABIH-SC realiza do dia 18 de novembro, no Majestic Palace Hotel, em Florianópolis, uma ampla programação que envolve Rodada de Negócios, palestras, apresentação de produtos e jantar comemorativo ao Dia do Hoteleiro.

Na oportunidade, os hoteleiros poderão fazer contato direto com fornecedores de diferentes segmentos, conhecer novas tecnologias, compreender novas estratégias de gestão, além de adquirir produtos com descontos e condições exclusivas do evento.

Entre as empresas que já estão confirmadas Dormakaba, Vinícola Jolimont, Desbravador, Onix, Harus, Realgen’s, RENTV, SM Grafic, Ecoflex, Busque Seguros, Roi Consultoria, Tab Energia, Pikolin, BemLife4You, Quimidrol, Uniprime e Tetra.

Hoje, vamos falar um pouco mais sobre outras três empresas que estarão presentes no evento. Solicite agora mesmo mais informações de como participar através do e-mail comercial@abih-sc.com.br ou pelo WhatsApp (48) 98843-7659. Já para os interessados em participar da programação, os ingressos para o evento estão sendo comercializados pela plataforma Sympla, sendo que, os associados da ABIH-SC têm acesso gratuito. Garanta hoje mesmo sua vaga e venha realizar bons negócios!

Hoteleiros e fornecedores em destaque na rodada de negócios

Harus: one stop shop para o setor de hospitalidade

Praticidade e rapidez! Harus investe para ser, cada vez mais, uma empresa onde os clientes possam encontrar tudo o que precisam para prestar o melhor serviço a seus hóspedes e, melhor ainda, com um atendimento que garante uma entrega em até 48h, já que a empresa possui estoque e 46 centros de distribuição distribuídos pelo Brasil e outros países.

Nos últimos anos a empresa tem investido também na diversificação de produtos e serviços. São linhas desenvolvidas para atender as necessidades e os desejos dos hóspedes, tanto com marcas próprias de grande destaque no mercado, a exemplo da dos produtos eco-friendly Alma Brasil, quanto através de parcerias com nomes fortes no Brasil e no mundo, como O Boticário, Vinotage, KUR Cosméticos e L’Occitane.

No portfólio ainda é possível encontrar itens para tratamento cosmético, acessórios, produtos eletrônicos e de cama e banho. Com a chegada da pandemia, a Harus passou a fabricar também uma linha completa de álcool em gel e álcool 70.

Desse esforço de diversificação, nasceu também a Harus Food. Por meio de parcerias com as principais marcas do mercado de food service – Homemade, Vigor, Junior Alimentos, Ísis Mel, Le Petit, Bauducco e Renata.

Para continuar se destacando no mercado, a Harus segue investindo naquilo que há de melhor no setor de hospitalidade: o valor das relações e das conexões. É por este motivo que a empresa participa da rodada de negócios, nas comemorações ao Dia do Hoteleiro, levando todo o seu portfólio de produtos: amenities, alimentação, eletrônicos e cama & banho.

“Estamos ansiosos pela participação no evento da ABIH-SC. A retomada gradual de eventos presenciais nos alegra muito, não apenas pela esperança de retomada do setor, mas pela possibilidade de reencontrar antigos parceiros e amigos e estabelecer novas conexões em nosso mercado”, explica Luiz Roberto Magrin Filho, diretor geral da Harus.

Pikolin: A melhor experiência de descanso

A cama em um hotel é tudo. E um colchão de boa qualidade é a parte mais importante para uma boa noite de sono. Há 72 anos cuidando do bem-estar e da saúde das pessoas com tecnologias exclusivas para uma boa noite de sono, a Pikolin é mais uma das empresas confirmadas na rodada de negócios em novembro, no hotel Majestic.

Hoje a Pikolin possui 10 fábricas no mundo, mais de 3mil colaboradores, 16 marcas e um volume de negócios superior a 440 milhões de euros. Com foco na inovação e um esforço dedicado da área de P&D, a empresa possui mais de 100 patentes e busca constantemente as melhores e maiseficientes tecnologias mundiais, garantindo um elemento competitivo e diferenciador no setor de descanso internacional.

No Brasil, a Pikolin está presente desde 2015 com a sua indústria localizada em Guaramirim, Santa Catarina. Entre as marcas de Colchões, Camas, travesseiros e acessórios de fabricação própria destacam-se Pikolin, Mannes e na categoria premium, Dedicace de Paris.

Atenta as demandas do mercado, a Pikolin acaba de lançar o novo catálogo de produtos destinados ao setor hoteleiro. Uma linha especialmente desenhada para atender a empreendimentos de todos os portes, em todo país, com design moderno e matérias primas especiais, destinadas a vários perfis de hospedes. Cada projeto desenvolvido é adaptado às necessidades dos clientes: produtos únicos, designs inovadores e medidas especiais.

Durante o evento, será apresentado o Novo catálogo Hotelaria Pikolin Contract e, a empresa já afirma: Promoções estão sendo formatadas e serão apresentadas com exclusividade durante o evento.

Roi Consultoria: Modernizando o setor comercial

Com atuação de forma ostensiva na modernização dos setores comerciais através de novas tecnologias, desenvolvimento de processos e planejamento estratégico baseado em dados de consumo, a equipe de consultores da Roi Consultoria atende empreendimento de todos os portes.

A empresa é formada pela associação de profissionais com experiência hoteleira, Gestão de pessoas, TI, Marketing e Redes sociais. Juntos, os profissionais somam mais de 30 anos de atuação no mercado, com experiência no cenário nacional e internacional.

 “Acreditamos que nosso modelo de negócio esteja perfeitamente adequado ao atual cenário, bem como ao momento que o mercado consumidor se encontra, temos certeza que será um casamento perfeito entre oferta e necessidade”, afirma Danisa Virmond, sócia administradora da Roi, quando questionada sobre a importância da participação no evento.

A empresária mostrou-se muito otimista, quanto as projeções de vendas nos próximos anos. “Estamos vivenciando uma grande escalada na necessidade e no consumo de soluções tecnológicas para o setor comercial. Entendemos que o cenário criado pela pandemia acelerou a necessidade de modernização dos setores comerciais na hotelaria”, reforçou Danisa.

A Roi Consultoria possui produtos que englobam diferentes estágios do negócio, atendendo desde implantação de projetos iniciais como realizar o uso correto das informações e prospetar e fidelizar clientes, até fluxos e tecnologias para orientar estratégias comerciais mais complexas.

Quer conhecer mais sobre as outras empresas? Então acesse www.abih-sc.com.br

Serviço:

O que: Dia do Hoteleiro

Data: 18 de novembro

Onde: Majestic Palace Hotel, Florianópolis

Informações: abih-sc.com.br | comercial@abih-sc.com.br | (48) 98843-7659

Inscrições: Symplahttps://www.sympla.com.br/evento—dia-do-hoteleiro__1281463

hoteleiros e fornecedores da hotelaria em evento da ABIH-SC

Presidente da ABIH Nacional apresentou em Brasília painel em comemoração ao Dia Internacional do Turismo

Ao lado da deputada Magda Mofatto, e de Ana Biselli Aidar, diretora executiva da Resorts Brasil,  O presidente da ABIH NacionalManoel Linhares, apresentou o painel “Tendências do setor hoteleiro pós pandemia”  no seminário “Turismo na ordem do dia”, promovido pelo pela Embratur, Ministério do Turismo e Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados (CTur) em comemoração ao Dia Internacional do Turismo.

Durante o evento, dez painéis apresentados por parlamentares e representantes das principais entidades do trade turístico no Brasil, avaliaram a atual condição do setor no país e sugeriram as melhores ações para a retomada das atividades.

Fonte: GPHR

Brasil alcança marca de 130 mil prestadores de serviços turísticos regularizados

Na semana em que se comemora o Dia Mundial do Turismo (27.09), o setor alcança uma importante conquista no país: o Brasil atingiu a marca de mais de 130 mil prestadores de serviços turísticos regularizados no Cadastur, o cadastro nacional do Ministério do Turismo que reúne empresas e profissionais do ramo. O número configura um recorde de registros, representando um aumento de mais de 100% em relação a 2017.

“Este é um reflexo dos nossos esforços em conscientizar o setor da importância da regularização dos serviços turísticos. No atual momento em que vivemos, com o avanço da vacinação e a retomada pulsante das atividades, precisamos cada vez mais de um turismo seguro e qualificado. Isso é essencial para colocar o Brasil no topo das nações referências em turismo no mundo pós-pandemia”, destacou o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto.

As atividades com o maior número de cadastros são agências de turismo (32.360), guias de turismo (27.156), restaurantes, bares e similares (18.577), meios de hospedagem (15.594) e transportadoras turísticas (13.736).

Já entre os estados com mais prestadores regularizados, São Paulo ocupa o primeiro lugar (27.721), seguido do Rio de Janeiro (20.073), Minas Gerais (11.083) e do Rio Grande do Sul (8.548).

O registro no Cadastur é obrigatório para guias de turismo, acampamentos turísticos, agências de turismo, meios de hospedagem, organizadoras de eventos, parques temáticos e transportadoras turísticas. O cadastro tem validade de dois anos, no caso de pessoas jurídicas, e de cinco anos, para guias de turismo.

Também podem se cadastrar, de maneira opcional, as seguintes atividades: casas de espetáculos; centros de convenções; empreendimentos de entretenimento e lazer e parques aquáticos; empreendimentos de apoio ao turismo náutico ou à pesca desportiva; locadoras de veículos para turistas; prestadoras de serviços de infraestrutura para eventos; prestadoras especializadas em segmentos turísticos e restaurantes, cafeterias, bares e similares.

COMO SE CADASTRAR –

BENEFÍCIOS – Além de ser uma importante fonte de consulta para os turistas, o Cadastur também garante diversas vantagens e oportunidades aos cadastrados, como acesso a financiamentos; oportunidades de qualificação exclusivas; apoio em eventos, feiras e ações do Ministério do Turismo; incentivo à participação em programas e projetos do governo federal e visibilidade nos sites do MTur e do Cadastur.

Entre os programas exclusivos para os prestadores regulares no Cadastur está o Selo “Turismo Responsável, Limpo e Seguro”. Até agora, mais de 29 mil estabelecimentos e guias de turismo já aderiram ao selo. “O selo é um diferencial para os prestadores de serviços turísticos, um símbolo do compromisso assumido por eles em adotar medidas que protejam turistas e trabalhadores do setor”, explicou o secretário nacional de Desenvolvimento e Competitividade do Turismo, William França.

Saiba mais sobre o Selo Turismo Responsável e como aderir à iniciativa AQUI.

Os prestadores de serviços turísticos que fazem parte do Cadastur também dispõem de uma linha de crédito especial, por meio do Fundo Geral de Turismo (Fungetur). O Fungetur possui como principais diferenciais as taxas, que são pré-definidas e menores que as comumente praticadas no mercado, e a possibilidade de utilização para capital de giro, a aquisição de bens (máquinas e equipamentos) e a realização de obras (implantação, modernização, ampliação ou reforma). Após a emissão do certificado do Cadastur, o empresário pode se dirigir a um agente financeiro credenciado para solicitar o crédito.

Saiba mais sobre o Fungetur e quais são os bancos credenciados AQUI.

As vantagens do cadastro também se aplicam ao campo da qualificação. Os guias de turismo regulares no Cadastur têm acesso a cursos exclusivos, ofertados periodicamente pelo Ministério do Turismo em parceria com instituições de ensino de todo o Brasil.

Clique AQUI e conheça os principais programas do Ministério do Turismo.

Além de todos estes benefícios, algumas atividades turísticas só poderão ter acesso ao Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos (Perse) se estiverem inscritas no Cadastur, como estabelece a Portaria n° 7.163/2021 do Ministério da Economia. É o caso de empresas de realização ou comercialização de congressos, eventos esportivos, feiras de negócios, shows, festas, casas de eventos e hotelaria em geral, entre outros. A Lei nº 14.148/2021, que cria o Perse, foi sancionada em maio deste ano pelo presidente Jair Bolsonaro, para apoiar o setor de eventos e turismo diante dos impactos da pandemia.

Por Vanessa Castro

Assessoria de Comunicação do Ministério do Turismo

Fonte: Mtur

De pesque-pague familiar a um dos maiores hotéis-fazenda resort do Brasil

Com mais de 2 milhões de metros quadrados, o Fazzenda Park Hotel é referência em turismo e lazer no Vale do Itajaí. Santa Catarina é famosa pela natureza exuberante, com lindas paisagens, que se modificam de acordo com a região. O Vale do Itajaí se destaca pela geografia e está entre os principais polos turísticos do Estado. A região conta com opções de entretenimento e lazer para toda a família, como é o caso do Fazzenda Park Hotel, localizado no interior do município de Gaspar e referência de resort no país.

“Um paraíso em meio à natureza”. É assim que os hóspedes definem o resort. Cercado por uma área verde com mais de 2 milhões de metros quadrados e uma estrutura completa para receber hóspedes do Brasil inteiro e também do exterior, o Fazzenda Park Hotel oferece atividades de descanso, lazer e diversão.

Mesclando a tradição à inovação, o resort possui eventos temáticos durante o ano todo – que neste momento contam com reforço da segurança, preservando o bem-estar e saúde de todos – shows nacionais e inúmeras outras atrações. A gastronomia também é destaque, com pratos que vão da comida caseira local a clássicos da cozinha internacional.

Como tudo começou

Em 1983 a família Graciola, no mesmo local onde hoje é o empreendimento, deu início a essa história, que é considerada de sucesso devido ao reconhecimento do Fazzenda Park Hotel. Tudo começou com um pesque-pague, que reunia famílias da região nos finais de semana. Os encontros motivaram a família a ampliar sua estrutura e também as atrações. Assim, começaram a servir comida caseira, oferecer passeios a cavalo, charrete, bicicleta e um campo para jogar futebol.

No início dos anos 1990, o local recebeu investimento para melhorar o espaço e construir a estrutura do hotel. A partir dos anos 2000, mais ampliações foram realizadas, assim como a inclusão de novos atrativos para o lazer, como piscinas e espaços para práticas esportivas. Com o retorno positivo, o antigo pesque-pague seguiu evoluindo, até se tornar um dos maiores e mais premiados hotéis-fazenda resort do Brasil.

Fazzenda Park Hotel
Acreditando no turismo familiar e de lazer, o Fazzenda se destaca entre os principais resorts do país(Foto: Divulgação | Fazzenda Park Hotel)

Com isso, a região do hotel também foi beneficiada, sentindo o impacto da sua expansão, com aumento significativo no desenvolvimento socioeconômico do Vale.

Estrutura e acessibilidade

O Fazzenda Park Hotel oferece, atualmente, uma estrutura diferenciada, que se destaca em comparação a outros empreendimentos do ramo. Em sua área, além de acomodações luxuosas, restaurante com cinco refeições diárias e espaço para convenções, o resort conta com um enorme complexo aquático.

São 3 mil metros quadrados de estrutura, com piscinas adulto e infantil com playground, bar molhado e centenas de guarda-sóis e espreguiçadeiras. As piscinas ainda têm um diferencial: contam com água aquecida, entre 30ºC e 32ºC, podendo ser usadas em todas as estações do ano. Isso consagra o hotel como o maior complexo de piscinas com água aquecida, a céu aberto do Sul do país.

Fazzenda Park Hotel
O Fazzenda conta com parque aquático com piscinas adulto e infantil com playground, bar molhado e centenas de guarda-sóis e espreguiçadeiras(Foto: Divulgação | Fazzenda Park Hotel)

O hotel oferece acessibilidade para pessoas com deficiência. Rampas em toda sua área, espaço para transitar com cadeiras de rodas em segurança, elevadores amplos e todas as condições necessárias para todo mundo se divertir.

Um mundo de atrações

A natureza exuberante do Fazzenda guarda atrações incríveis para a família. O contato com os animais da fazenda estimula uma vida mais conectada ao interior. As atividades de aventura, como o arvorismo e as trilhas de quadriciclo proporcionam momentos de adrenalina. E para relaxar depois dessas atividades, o hóspede também pode desfrutar dos serviços de um spa, com os mais diversos tipos de terapias e massagens.

Fazzenda Park Hotel
O Fazzenda Park Hotel tem um espaço spa, ideal para relaxar(Foto: Divulgação | Fazzenda Park Hotel)

Os eventos temáticos ocorrem durante o ano todo, com uma agenda que mescla shows, festivais gastronômicos, datas comemorativas e espetáculos. Entre as atrações se destacam as datas de final de ano, com as atrações: Sensações de Natal e Réveillon.

Resiliência como pilar

Assim como todos os hotéis, o Fazzenda teve que se adaptar às restrições da pandemia da Covid-19. Capacidade reduzida, protocolos sanitários e todos os cuidados seguidos à risca. Mesmo assim, conseguiu manter uma média positiva de ocupação, variando entre 92% e 94%, respeitando todas as indicações dos órgãos de saúde e sanitários.

Em constante evolução, o resort também projeta expansão da sua estrutura. Para 2022, serão entregues 165 novos apartamentos, ampliação do restaurante, nova recepção e novas atrações. Isso tudo para oferecer cada vez mais conforto aos hóspedes..

Quer conhecer mais do Fazzenda Park Hotel? Acesse o perfil do Instagram, do Facebook ou pelo site. Também é possível fazer reservar por meio do número: (47) 3397 – 9000. 

Saiba mais sobre o Fazzenda Park Hotel, resort que é referência no país.

Fonte: NSC

Sócio colaborador prohotel & prodecore

Sócio Colaborador – Prohotel & Prodecore

Olá a todos e todas! Somos a ProHotel & ProDecore. É um prazer estar aqui iniciando essa parceria, fazendo parte das empresas sócias colaboradoras da ABIH-SC, a fim de desenvolver junto com vocês o setor hoteleiro
de Santa Catarina.

Somos a ProHotel & ProDecore

Localizada em Florianópolis, a ProHotel & ProDecore há 28 anos vende produtos diferenciados como cortinas de tecidos e persianas, colchas, saias box e peseiras de cama para o segmento hoteleiro no estado de Santa
Catarina, com confiabilidade e qualidade.

A empresa tem buscado a preservação da identidade que possibilitou a longevidade empresarial, utilizando sempre criatividade, inovação e expertise oferecendo soluções práticas que expressem e atendam as
demandas dos clientes, mantendo fiel a missão de vender produtos e prestar serviços com segurança, garantia e confiabilidade.

Na busca pela excelência, a ProHotel & ProDecore em 2020 agrega ao portfólio de produtos a estamparia digital para personalização exclusiva de estampas em tecidos. Neste momento, a ProHotel & ProDecore aumentou o canal de vendas, atendendo cliente final e hospitais.

Produtos e Serviços

Todos apreciam produtos clássicos, elegantes e com qualidade na composição dos ambientes. A ProHotel & ProDecore oferece produtos para o segmento hoteleiro, residencial e hospitalar. Está precisando de cortinas
feitas sob medida, persianas ou tecidos decorativos?

Confira os produtos & serviços:
▪ Confecção de cortinas
▪ Cortinas de Tecidos
▪ Cortinas Persianas
▪ Tecidos decorativos
▪ Enxovais decorativos

Marlene Comiotto

Meu nome é Marlene Comiotto, diretora executiva da empresa ProHotel & ProDecore desde 1993. Sou graduada em Serviço Social, especialista em Gerência de Recursos Humanos pela Universidade para o Desenvolvimento do Estado de Santa Catarina, ESAG, Brasil e em Ciências da Educação pela Universidade do Sul de Santa Catarina, UNISUL, Florianópolis, Brasil e Universitá Ca’Foscari, Venezia, Itália. Atuante em uma instituição
do terceiro setor há mais de 23 anos.

O exemplarismo e a capacidade laborativa dos meus progenitores ajudaram no desenvolvimento do traço empreendedorista associado ao sentimento de autonomia e gestão do próprio negócio. Foi assim que há 28 anos surgiu a ProHotel, anos mais tarde ProHotel & ProDecore. Sou uma mulher na gestão que visa a construção da trajetória comercial alinhada aos objetivos de contribuição e retribuição à sociedade, através da integridade nos negócios pautados em padrões éticos e morais, gerando empregos com a prestação de serviços e parcerias com grandes fornecedores.

Entre em contato com a gente! Será um prazer poder conversar com você e apresentar nossa empresa, nossos produtos e serviços. Estamos
juntas(os). Um grande abraço.

www.prohotelprodecore.com.br
marlene@prohotelprodecore.com.br
(48) 99980-3952

Regularize seus débitos com o ECAD

A ABIH-SC oferece uma oportunidade única para seus associados regularizarem seus débitos com o ECAD!  A ABIH Nacional firmou um acordo histórico com o Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad), que oferece termos e condições especiais exclusivos aos meios de hospedagem associados à entidade nacional e às ABIHs estaduais.

No compromisso firmado, os hotéis associados as ABIH’s Estaduais terão um desconto de até 70% para quitarem seus débitos junto ao órgão arrecadador. 

O valor devido pode ser dividido em até 12 vezes, contanto que o valor mínimo seja de 1.000 reais mensais, e será calculado com base nos dados do Ibope e/ou na taxa de ocupação declarada pelo hoteleiro, cálculo que também será utilizado para as futuras cobranças.

Quem quiser pagar em mais vezes, poderá negociar diretamente com o ECAD, mas os percentuais de desconto serão menores. As ABIHs Estaduais ficam responsáveis por informar ao ECAD caso algum hotel que tenha feito o acordo se desassocie da entidade. O acordo é exclusivo aos associados da ABIH Nacional/ ABIH’s Estaduais.

Outro benefício da negociação é que o hotel que nunca foi fiscalizado pelo órgão poderá pagar apenas os últimos três anos. O prazo anterior era de cinco anos. Também será criada uma comissão nas cinco regiões do país, formada por cinco hoteleiros e cinco membros do ECAD, para que seja estabelecida uma forma de cobrança mais justa, uma vez que hoje uma pousada paga o mesmo que um hotel 5 estrelas.

Entre em contato

Os hoteleiros que queiram aproveitar esta oportunidade de negociação e não estejam ainda filiados a ABIH-SC podem entrar em contato com a entidade através do e-mail abih@abih-sc.com.br ou no whatsapp 48 98843-7711 para maiores informações.

Informativo ABIH-SC 24 de setembro

No informativo da ABIH-SC desta semana você vai ver:

Com foco na retomada, ABIH-SC realiza rodada de negócios em novembro;-Como tornar a experiência do hóspede um diferencial na hotelaria?!;-Regularize seus débitos com o ECAD!;-É Primavera na Serra Bela!!;-Hotel Sibara está com uma nova área de eventos;-1º Encontro Regional do Turismo;-Confira como foi a live sobre LGPD;-Startup nacional oferece ferramenta de pesquisa em turismo a destinos brasileiros;-Experiências internacionais marcam último dia de webinário sobre Conta Satélite de Turismo;-Pousada do Arvoredo ;-Hotel Fazenda Vale das Pedras.

Confira o informativo completo AQUI!

Confira como foi a Live sobre LGPD

Na última quarta-feira (22) aconteceu a live promovida pela ABIH-SC sobre LGPD. Se você não conseguiu assistir a live ao vivo, pode conferir a gravação agora mesmo!!

Em breve teremos novidades!

Você sabe o que é LGPD e como se adequar à ela? A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) dispõe sobre o tratamento de dados pessoais, nos meios físicos e digitais, com o objetivo de proteger os direitos fundamentais de liberdade e de privacidade e o livre desenvolvimento da personalidade das pessoas. A lei estabelece regras e limites para a coleta, o armazenamento, o tratamento, o compartilhamento e a exclusão de dados pessoais.

Experiências internacionais marcam último dia de webinário sobre Conta Satélite de Turismo

A participação de representantes do México e de Portugal marcou, nesta quinta-feira (23.09), a última transmissão do webinário “O Turismo Conta”, promovido pelo Ministério do Turismo e o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e que debateu desafios da implantação da Conta Satélite de Turismo no país. Durante três dias, especialistas abordaram benefícios da ferramenta à avaliação da economia do setor e à promoção de ações (Assista ou reveja aqui).

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, elogiou a colaboração dos envolvidos e reafirmou os esforços pela adequada análise do desempenho do ramo. “A Conta Satélite exige esforço conjunto, e o evento mostrou exatamente isso. Termos todos os dados disponíveis do setor reforça o nosso trabalho de consolidar o turismo como um importante vetor da economia no governo federal, até pelo seu poder de gerar divisas, emprego e renda”, comentou.

Na live desta quinta-feira, Teresa Hilário, do Departamento de Contas Nacionais do Instituto Nacional de Estatística de Portugal, relatou os trabalhos voltados à adoção, desde 2003, da Conta Satélite de Turismo no país. A técnica frisou a necessidade de parcerias neste sentido. “A cooperação interinstitucional é fundamental, bem como a integração com as Contas Nacionais. A Conta Satélite de Turismo precisa de várias outras estatísticas para existir”, pontuou.

Exposição semelhante foi feita por Francisco Guillén Martín, diretor-geral adjunto de Contas Nacionais do Instituto Nacional de Estatística e Geografia (INEGI) do México. Martín detalhou a criação do instrumento, iniciada em 1991, e citou seus benefícios. “No México, ela foi um motor para o crescimento da economia. Para implementar a Conta Satélite, é necessário uma coordenação interinstitucional e de especialistas, que permita identificar necessidades de informação”, ressaltou.

A subsecretária de Gestão Estratégica do MTur, Luana Boldori, comemorou os avanços no processo de construção da Contra Satélite. “Esse webinário, com a presença e a soma de cada especialista, nos permitiu dar um grande e importante passo para a implementação da Conta Satélite. A palavra que marca a nova etapa desse processo é parceria. Então, que nós sigamos alinhados rumo à efetiva implementação dessa iniciativa”, conclamou.

Já o diretor de Pesquisas da Fundação IBGE, Cimar Azeredo, recordou parcerias com o MTur para a análise da economia do setor e defendeu empenho pela concretização da ferramenta. “A gente tem que acender a luz da Conta Satélite para ela começar a orbitar nas Contas Nacionais. A gente apertou o botão de largada. O que foi exposto aqui hoje mostra o quanto é importante o Brasil ter uma Conta Satélite de Turismo”, observou.

COLABORAÇÃO – O coordenador-geral de Dados e Informações do MTur, Elton Medeiros, colocou o órgão à disposição dos interessados em colaborar com as discussões. “Esse tema da Conta Satélite não se encerra com o fim desse evento, esse é um dos vários passos que vamos dar. A gente só vai alcançar o que a gente pretende por meio do trabalho conjunto”, afirmou, citando o email cgdi@turismo.gov.br para eventuais esclarecimentos.

Medeiros acrescentou que, até o dia 30 de setembro, participantes do webinário podem obter um certificado de acompanhamento do evento. (Acesse aqui o formulário). A emissão do documento exige a apresentação de dados pessoais e de palavras-chave exibidas ao longo dos três dias de transmissões. Após a validação das informações prestadas, o certificado será enviado para os emails indicados nos formulários preenchidos.

FERRAMENTA – As contas satélites são instrumentos de mensuração de uma atividade específica, além de representarem um importante fator de obtenção de informações estatísticas sobre o seu potencial econômico e a relação com outros setores. Elas permitem entender o cenário de determinado segmento de forma comparativa a outros países que possuem tal análise, possibilitando relevantes estudos e fomentando debates qualificados a respeito de políticas públicas.

O IBGE já coleta estatísticas de turismo em consultas como a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), a Pesquisa de Serviços de Hospedagem e o Módulo Turismo 2019 da Pesquisa Nacional de Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua). Todavia, a implantação da Conta Satélite possibilitaria uma visão mais macro do setor. A ideia é que o IBGE desenvolva uma metodologia própria neste sentido, com base no manual das Nações Unidas para contas satélites.

Por André Martins

Assessoria de Comunicação do Ministério do Turismo

Fonte: Mtur

Startup nacional oferece ferramenta de pesquisa em turismo a destinos brasileiros

Em homenagem ao Dia Mundial do Turismo (27.09), a startup brasileira Smart Tour vai oferecer a destinos nacionais a oportunidade de experimentar uma ferramenta inovadora de captação de dados do setor. Durante seis meses, cinco cidades – uma de cada região do país – poderão utilizar, gratuitamente, a Smart Survey, plataforma que realiza pesquisa de Demanda Turística de forma 100% digital. A solução foi a grande vencedora na categoria “Tecnologia no Turismo” do Prêmio Nacional de Turismo de 2019, promovido pelo Ministério do Turismo em parceria com o Conselho Nacional de Turismo (CNT).

Gestores públicos de turismo podem inscrever suas cidades até às 18h do dia 25 de setembro, clicando AQUI e o resultado será divulgado no dia 27 de setembro. Os municípios selecionados na iniciativa da Smart Tour passarão a fazer parte de uma lista do MTur de cidades interessadas em tornar-se um Destino Turístico Inteligente, para futuras ações da Pasta.

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, reforça a importância de ações como esta para a promoção e a estruturação do setor no país. “A tecnologia aliada à informação é a receita ideal para ajudar a desenvolver o turismo no Brasil. Captar dados de maneira ágil possibilita entender a demanda turística local e estruturar ações de fomento ao turismo da região”, ressalta.

A CEO da Smart Tour Brasil, Jucelha Carvalho, explica que a Smart Survey utiliza IoT (Internet of Things, ou “Internet das Coisas”), o que permite uma transformação dos atrativos em agentes coletores de informações, diminuindo o custo e fornecendo resultados em tempo real para os órgãos gerenciais de turismo.

“Esse repasse de informações gera dados inéditos no setor turístico do estado. Eles são enviados aos observatórios e às secretarias de Turismo e ajudam na elaboração de políticas públicas mais eficientes, pois dá um poder de decisão bem mais rápido à gestão pública”, comenta Carvalho.

A ferramenta Smart Survey já é utilizada por diversos municípios brasileiros, como Florianópolis (SC), uma das 10 cidades escolhidas pelo Ministério do Turismo para receber o projeto-piloto de Destinos Turísticos Inteligentes (DTI) no país. Para o superintendente de Turismo da capital catarinense, Vinícius de Lucca, a pesquisa de demanda realizada pela Smart Tour vem auxiliando a tomada de decisão pela Secretaria Municipal de Turismo desde 2019.

“Florianópolis passou anos sem realizar pesquisa de demanda, devido ao alto custo desta ação. Com o uso da Smart Survey, passamos a ter relatórios frequentes e em tempo real, o que vem nos ajudando na elaboração de políticas públicas voltadas ao turismo em nossa cidade”, aponta Vinícius de Lucca.

Segundo a startup, destinos turísticos de pequeno porte também podem se beneficiar da ferramenta, pelo baixo custo operacional e a alta adesão dos visitantes. A cidade de Jaraguá do Sul, em Santa Catarina, é um exemplo. O município utiliza a Smart Survey há três meses e está investindo em ações que possam auxiliar a consolidar o local como um destino turístico.

“Para nós, a pesquisa de demanda significa uma forma de conhecer o perfil de quem nos visita, saber por que ele procurou nossa cidade como destino e, desta forma, termos a informação necessária para direcionar os investimentos de forma mais assertiva e eficiente”, ressalta a diretora de Turismo de Jaraguá do Sul, Leila Modro.

SMART TOUR – A Smart Tour é uma startup de tecnologia de ponta voltada para a gestão pública do turismo, com soluções inovadoras. Além do reconhecimento no Prêmio Nacional do Turismo, a empresa catarinense foi uma das finalistas do 1º Desafio Brasileiro de Inovação em Turismo, promovido pelo MTur e o Wakalua – primeiro polo global de inovação em turismo -, que consagrou iniciativas destinadas à retomada do setor. A empresa também foi destaque na 3ª Competição Global de Startups da Organização Mundial do Turismo (OMT) e fez parte do grupo de finalistas do Healing Solutions for Tourism Challenge, realizado no ano passado pela OMT.

DESTINOS INTELIGENTES – Atualmente, 10 cidades brasileiras, representando as cinco regiões do país, integram o projeto-piloto de implantação de DTI, promovido pelo MTur: Rio Branco/AC e Palmas/TO (Norte); Recife/PE e Salvador/BA (Nordeste); Campo Grande/MS e Brasília/DF (Centro-Oeste); Florianópolis/SC e Curitiba/PR (Sul); e Rio de Janeiro/RJ e Angra dos Reis/RJ (Sudeste). Pioneira no país, a ação busca definir diretrizes e um formato nacional para a criação de destinos do tipo.

Por Vanessa Castro

Assessoria de Comunicação do Ministério do Turismo

Fonte: Mtur