Ir ou não ir a um evento do setor onde atuo?

 

Poderia começar esse artigo, identificando as primeiras razões para estar num evento do segmento e do setor onde a minha e a sua empresa ou as nossas atividades profissionais se encontram. Mas prefiro listar razões contrárias, aquelas que pesam na balança e fazem com que você e eu desistamos de ir. Vou dar um exemplo do Encatho e da Exprotel que acontece em Florianópolis. Quando eu morava e trabalhava em Minas Gerais, haviam vários motivos pra vir ao evento:

1) Segmento que eu trabalhava, o tema era atual e eu precisava fazer networking. Ahh, também precisava alavancar as vendas do produto que eu trabalhava. E, bom, também seria bom participar das capacitações. Pensando bem , sempre fiz bons negócios e bons relacionamentos;

Pesava contra:

1) Deslocamento, gasto com passagens, alimentação e estadia. Ah, também pensava, mas é longe. Até tenho um valor que posso gastar, mas …viajar?✈🤔

Observava que tinha mais motivos para ir do que desistir, e porque a palavra aqui é desistir? Porque um evento no setor onde a gente atua, de alguma forma parece ser importante, tem aqueles que a gente fala: não posso deixar de ir ( e uma série de motivos pessoais e sensações intuitivas e às vezes até comprováveis, alimentam nossos pensamentos já concordando que a decisão de ir está praticamente tomada). Então entramos num momento em que buscamos o que pesa contra, para convencer a nós mesmos que desistir é o melhor.

O que fazer? Vamos as dicas:

  • priorize o momento da sua empresa ou da sua atividade profissional, vale aqui não esconder de si mesmo as necessidades e o momento pelo qual estão passando.
  • analise o cenário atual ( clique e conheça o cenário que envolve o exemplo);
  • conheça o que o evento tem a oferecer ( clique e veja o exemplo deste ano para este evento);
  • se o evento é pago faça as contas! E se for gratuito também;
  • se a sua empresa ou o seu planejamento pessoal não previa o investimento, volte nas prioridades ou nas atuais demandas para o crescimento de sua empresa ou o seu pessoal e veja se este investimento tem chance de dar o retorno que você e sua empresa precisam;
  • pergunte! Pergunte aos seus conhecidos de mercado se vão na edição do ano em questão! Ligue ou mande e-mail para a organização do evento e peça detalhes!;
  • e se você é investidor ou fornecedor deste mercado, caso tenha ido anteriormente faça um levantamento estratégico, entre em contato com a organização, certifique-se dos detalhes. Veja um dos videos da Feira deste exemplo; Um dos critérios que utilizo quando vou investir num evento como este é fazer as contas de quanto custa visitar cada cliente individualmente e quanto custará, neste evento que reúne muitos compradores ( as vezes se tem uma previsão junto a organização) o investimento dividido pelo número de possíveis compradores. Comparo! E decido!

E porque resolvi escrever este artigo?

Porque durante anos, como Relações Públicas, as vezes realizando eventos ou ás vezes contratada para analisar eventos para investidores, convivi com essas dúvidas da maioria das pessoas, quer seja para suas empresas, quer seja para suas vidas pessoais.

Hoje o exemplo que dei no artigo, faz parte do meu portfólio de evento visitado durante anos como investimento pessoal e profissional, depois estratégico para empresas e hoje, com muita satisfação faço parte da organização. Então, prestes a ver o presidente da entidade, Sr. Osmar Vailatti, dar como aberto oficialmente o evento, eu gostaria de auxiliar de forma genérica mas exemplificando de forma pontual, aqueles que tem dúvidas. Eventos sempre foram importantes, mas hoje em dia podem ser cruciais para o posicionamento de marcas e de marketing pessoal no mercado. Ir ou não ir? a resposta pode ser decisiva para a concretização do seu planejamento ou dar início a um, caso ainda não tenha. O mercado dá as cartas! Vamos jogar?

 

Conteudista: Lara Perdigão

Informativo ABIH-SC 26 de julho

 

No Informativo ABIH-SC de 26 de julho você vai ler:

Encatho 2019: Ampla programação foca em qualificação para o ecossistema turístico;-Reunião de Diretoria Executiva da ABIH-SC;-McPlast Embalagens – Sócio Colaborador ABIH-SC;- Seminário de Desenvolvimento Turístico;-Turismo de negócios cresce 14,7% no primeiro semestre do ano;-Audiência pública debate concessão do centro de eventos de Balneário Camboriú;-Effecti Experience ” Uma imersão no mundo das licitações”;- Associados ABIH-SC!

 

Leia também: Seminário de Desenvolvimento Turístico

Seminário de Desenvolvimento Turístico

 

O Seminário debate o turismo na região da Grande Florianópolis, trabalhado em parceria com o agenciamento de viagens, levando produtos e serviços de toda cadeia produtiva do turismo ao alcance do turista.

Levar o produto turístico da Grande Florianópolis ao alcance do turista, de maneira eficiente e pronta para o consumo, esse é o foco do 1º Seminário de Desenvolvimento Turístico – Grande Florianópolis que acontece na manhã do dia 15 de agosto, em paralelo ao 32º Encatho & Exprotel, nas dependências do Centrosul em Florianópolis.

O evento visa aproximar a oferta turística da região da Grande Florianópolis ao agenciamento de viagens em todas as suas etapas, desde a construção de pacotes junto aos fornecedores até a comercialização para o cliente final.

Provocar a criação de novos produtos, articulando a modernização da oferta turística, robustecer os conceitos de sustentabilidade, experiência e vivência, como alternativas para aumentar o fluxo turístico nas cidades que compõem o mapa do turismo na região da Grande Florianópolis, é a visão do coordenador Marcelo Alves da IGRTur-GF Instância de Governança da Região Turística da Grande Florianópolis, que vê a aproximação dos empresários locais ao agenciamento de viagens, uma válvula propulsora para divulgar e comercializar o destino.

 

O 1º Seminário de Desenvolvimento Turístico – Grande Florianópolis tem inscrições gratuitas e disponíveis no link.

https://abihsc.iweventos.com.br/evento/encathoeexprotel/home

Para maiores informações:  igrtur.gf@gmail.com

Municípios do novo Mapa do Turismo Brasileiro serão validados até 30 de julho

 

Ministério do Turismo disponibilizou vídeo com dicas e critérios para participação.

Os governos estaduais têm até o próximo dia 30 de julho para validar a atualização do Mapa do Turismo Brasileiro 2019-2021, que vem sendo cadastrada no Sistema de Informações do Programa de Regionalização do Turismo desde o dia 1º de abril. O trabalho dos governos estaduais e municipais, bem como das Instâncias de Governança Regional, foi feito com a orientação do MTur, que disponibilizou vídeo e documentos orientadorescom o objetivo de sanar as dúvidas e auxiliar as cidades a se cadastrarem no programa. Atualmente, o Mapa do Turismo possui 3.285 municípios, que estão divididos em 328 regiões turísticas.

Para o ministro do Turismo interino, Daniel Nepomuceno, “é muito importante que os estados fiquem sob alerta para os critérios apresentados, pois com eles poderemos definir políticas públicas precisas para desenvolver o turismo em cada região. Com o Mapa, identificaremos as cidades que possuem vocação turística, o que facilitará a gestão e aplicação dos recursos da Pasta e beneficiando os destinos em suas necessidades e talentos”, destacou.

Todos os municípios inseridos nas regiões do Mapa são considerados, pelo Programa de Regionalização do Turismo do MTur, destinos de vocação turística ou destinos de apoio que podem contribuir ou se beneficiar da geração de emprego e renda induzidos pela atividade do setor. O Mapa do Turismo Brasileiro foi instituído em dezembro de 2013 e passou a ser atualizado de dois em dois anos a partir de 2016. Os estados, em parceria com os municípios, têm autonomia para a definição das regiões turísticas, incluindo ou removendo destinos.

A previsão é de que em agosto seja publicada a portaria que define o número de municípios e regiões turísticas que deverão compor o Mapa do Turismo Brasileiro 2019.

 

Fonte: Ministério do Turismo

Encatho 2019: Ampla programação foca em qualificação para o ecossistema turístico

 

Três dias para ampliar conhecimentos e conhecer soluções em produtos, serviços e processos para áreas que vão da manutenção às vendas

 

A 32ª edição do Encontro Catarinense de Hoteleiros – Encatho irá transformar o CentroSul, na capital catarinense, entre os dias 13 e 15 de agosto, no ponto de encontro de empresários e profissionais do turismo e hotelaria de todo Brasil. O evento apresenta ampla programação, totalmente gratuita, encontro de entidades do trade turístico, simpósio de governança, momentos de troca de experiências e ainda a Exprotel, uma grande vitrine do setor em Santa Catarina, com centenas de marcas à disposição dos visitantes para negociação direta e com valores exclusivos durante o evento.

Neste ano o tema será “Soluções e Inovações para a Hotelaria”, abrindo espaço para discussões que permeiam a hotelaria do país e do mundo, incluindo produtos diferenciados, serviços, software que facilitam o gerenciamento, tecnologias que podem auxiliar a alavancar as vendas e os negócios, e ainda esclarecimento sobre leis e obrigatoriedades que o setor hoteleiro deve se adaptar para melhor atender o público. “O Encatho é uma referência nacional no setor. As atividades envolvem participantes e especialistas de diversos Estados, mostrando, avaliando e discutindo as tendências e inovações que permitem o aprimoramento e crescimento de toda a cadeia do turismo”, enfatiza Osmar José Vailatti, Diretor-presidente da ABIH-SC, promotora do evento.

O encontro é um reduto de capacitação para apontar os melhores caminhos para chegar aos melhores resultados. As mais diversas ferramentas de marketing, venda, gerenciamento e segurança estarão em pauta. O básico também será revisitado para demonstrar que não é preciso muito para fazer mais e melhor. Para garantir o sucesso do evento e o aproveitamento total, tanto por empresários como para funcionários, fornecedores, visitantes e estudantes, o Encatho preparou palestras variadas com profissionais renomados de diversas áreas para envolver desde a rouparia até tecnologias avançadas, como a robótica.

A visitação na Exprotel e a participação nas palestras são gratuitas e a inscrição pode ser feita no www.encatho.com.br para garantir espaço nas discussões sobre temas de interesse. Para participar como expositor na Exprotel, empresa interessadas devem entra em contato pelo fone (48) 3222-8492 | comercial@abih-sc.com.br.

 

Confira um resumo da ampla programação de palestras do Encatho 2019.

 

Quarta-feira 14-08-19

 

Sala Joaquina

 

9h às 10h05 – “Soluções e Inovações nas compras e suprimentos para hotelaria”

Cuidar das compras é indispensável para o bom funcionamento do negócio. Ter auxílio no gerenciamento de negociações, promoções e captação de novos fornecedores abre espaço para que o gestor otimize material, pessoal e caixa. Regina Segui, formada em turismo e pós-graduada em marketing é Diretora de Produto e Suprimentos da Atlantica Hotels e abordará as inovações na área de hotelaria.

 

10h10 às 11h – “Destination Wedding: Uma oportunidade para o mercado hoteleiro”

Fernanda Camargo falará sobre a importância da consolidação do destino no mercado de casamentos e o papel da hotelaria na prestação de serviço. Apresentação do E-book elaborado para reforçar o marketing de Florianópolis como Destination Wedding. Fernanda é formada em Hotelaria, pós-graduanda em Marketing Estratégico e coordenadora comercial no Florianópolis Convention & Visitors Bureau.

 

11h05 às 11h50 – “Impacto da maturidade digital na hotelaria – case ABIH-SC”

Com o objetivo de auxiliar empresários a obter conhecimentos para a correta adequação às mudanças da Era Digital, Paulo Kendzerski vai apresentar o estudo da “Maturidade Digital da Hotelaria Catarinense”, realizado pelo ITD – Instituto da Transformação Digital, no qual é presidente, em parceria com a ABIH-SC. O enfoque da palestra é a utilização das ferramentas de inteligência como estratégia para alavancar os negócios.

13h30 às 14h30 – “Novas Diretrizes de Acessibilidade em Edificações de Hospedagem”

Nesta palestra haverá informações sobre a novo Decreto Federal Nº 9.296, de 1º de Março de 2018, que regulamenta o art. 45 da Lei nº 13.146, de 6 de julho de 2015, no que se refere aos preceitos de acessibilidade relativos ao projeto, à construção e adaptação de hotéis, pousadas e similares. A palestrante será Elisa Prado, Arquiteta e Urbanista, Mestra com o tema “Acessibilidade nos bens culturais imóveis”.

 

14h35 às 15h15 – “Segurança da Informação – Adequação e monitoramento as potenciais ameaças no ambiente hoteleiro”                                                                   

Jonas Tasca vai discorrer sobre o planejamento de uma rede estruturada às necessidades e anseios dos clientes, bem como a implementação de políticas de segurança e contingência, atendendo às premissas do Marco Civil da Internet e da Lei Geral de Proteção de Dados. Tasca é graduado em Sistemas de Informação com Mestrado em Educação. Coordena o Setor de Tecnologia da Informação e Comunicação do Senac SC.

17h às 18h30 – “Como melhorar seus resultados usando soluções de vendas”

Educar empresas sobre os benefícios de utilizar ferramentas de gestão de vendas para aumentar performance de times comerciais é especialidade de Fabio Vieira, que ministra a palestra e é formado em Relações Internacionais. Durante a palestra vai conversar sobre como usar soluções de vendas para organizar e controlar o processo comercial e vender mais.

Sala Jurerê

 

09h às 15h30 10º Simpósio de Governança, Manutenção e Recepção Hoteleira

No Simpósio serão ministradas diversas palestras, entre elas, “Inteligência emocional”, pelo Coach Thiago Lima; “A Importância da Interação entre Setores”, com Carlos Bollentini; “A Importância do Treinamento para garantir a qualidade dos processos”, com Cristiane Bittencourt. Além das palestras técnicas e motivacionais, o evento terá apresentação de produtos e serviços realizado por fornecedores do setor. Confira aqui a programação específica do evento.

 

 

Quinta-feira 15/08/2019

 

Sala Joaquina

 

09 às 10h30 – “Beto Carrero World, a fantasia que te leva”

Régis Acosta Rodrigues, que atua diretamente em processos comerciais na América Latina no setor de turismo, vai abordar um pouco da história do idealizador do Beto Carrero World, além de inovação disruptiva; marketing de influência; inteligência digital e antecipação de novos players. Régis é formado em Engenharia, com especializações nas áreas de Gestão Estratégica e Marketing.

 

10h40 às 11h15 – “Mudanças no consumo e seus impactos no mercado”                         

O turismólogo André Luiz Carvalho vai apresentar as macrotendências do comportamento do consumidor, impactos da tecnologia e dos novos padrões trazidos pelos millenials, tais como a cultura de compartilhamento e a digitalização, indicando estratégias adotadas pelo mercado para manter a competitividade. Carvalho é Mestre em Administração e integra a Diretoria de Inovação do Senac em SC.

11h20 às 12h – “Alcance, converta e retenha mais hóspedes”

Revenue Management – RM ou gerenciamento de receita é uma metodologia utilizada para gerenciar o equilíbrio entre a taxa de ocupação e os lucros dos estabelecimentos hoteleiros. O intuito é captar as melhores oportunidades do mercado. Diego Corrêa, coordenador de Marketing da HSystem, vai ministrar a palestra, na qual falará sobre 21 erros conceituais e práticos mais comuns ao aplicar a precificação dinâmica.

 

 

Sala Jurerê

 

9h às 9h45 – “Como a formação continuada dos colaboradores contribui para o ambiente e os resultados do meio de hospedagem?”                    

Leila Di Pietro falará sobre como reter profissionais que se destacam; como inovar com os próprios talentos ou estimular/criar talentos dentro da organização. A palestrante possui graduação em Pedagogia e mestrado em Trabalho e Educação. Atua com a elaboração e análise de ações de Educação Profissional para o Departamento Regional do Senac/SC.

 

9h50 às 10h30 – “    Como obter maior eficiência e reduzir perdas utilizando a sistemática do Design for Service – DFS”

Julio Cesar Berndsen apresenta os ganhos de eficiência no trabalho, melhor controle de custos, manutenção produtiva, redução de desperdícios, gestão de manutenção visualizada por todos os participantes do time de gestão, entre outras. Explicará sobre a sistemática do Design for Service – DFS . JC Berndsen é Doutor em Engenharia Mecânica e Mestre em Ciências Térmicas.

10h35 às 11h30 – “O controle dos processos de lavanderia como fator de  Inovação na gestão do enxoval”                                                                                      

Carla Trindade irá apresentar a evolução dos processos de lavanderia, mostrando como é realizada atualmente a gestão do enxoval e como será o novo procedimento aplicando métodos inovadores para garantir maior durabilidade. A profissional atua como Consultora na Área Operacional de Governança e Lavanderia. Formada como Tecnóloga em Processos, é especialista em Gestão de Processos.

Sala Joaquina

 

13h30 às 14h10 – “Gameficação – a experiência que fideliza”          

Você já imaginou usar os mesmos elementos que existem em um game, que proporciona engajamento e estímulo competitivo, para fidelizar seus clientes ou equipe interna? A gameficação vem para revolucionar a forma como o ser humano capta e reage aos estímulos, explorando ainda mais o potencial de todos os envolvidos. A palestrante Greyce Lopes é CEO da PromoBoo Live Marketing, Master Coach.

14h15 às 14h50 – “Como dobrar a produtividade da central de reservas com inteligência artificial”     

Produtividade é uma palavra chave e hoje diversas tecnologias oferecem possibilidades para organizar processos, aumentar a eficiência operacional e os resultados de vendas na central de reservas. O palestrante será Rodrigo Teixeira, co-fundador e CEO da Asksuite Hotel Chatbot e já ajuda mais de 750 empreendimentos do setor a inserirem mais inteligência, produtividade e resultados nos seus processos de atendimento.

 

14h55 às 15h40 – “Envelhecimento populacional e oportunidade de negócios na Hotelaria”

A nova geração de idosos está vivendo mais e melhor. Daniella Regina Farinella Jora abordará as necessidades e desejos deste público, as estatísticas do envelhecimento, as novas oportunidades em produtos e serviços na hotelaria e as cidades com potencial para o turismo da terceira idade. A profissional tem, entre outras, experiência em gestão educacional, metodologias ativas, saúde da família e envelhecimento.

15h45 às 16h15 – “Inovações de Arquitetura para o setor hoteleiro”

A arquiteta e urbanista, Patrícia Moschen, irá abordar inovações de arquitetura consolidando a imagem do empreendimento hoteleiro no mercado estabelecendo uma relação sensitiva e de identidade com públicos diversos. Neste contexto a palestrante busca apresentar propostas para os diversos segmentos do setor hoteleiro.

Sala Jurerê

13h30 às 14h10 – “Informações de Segurança para Turistas e o impacto na operação hoteleira”       

A PMSC, com uma estrutura capilarizada das agências de inteligência, pode atuar no exercício permanente e sistemático de ações especializadas para identificar, avaliar e acompanhar ameaças reais ou potenciais na esfera de Segurança Pública. A palestra será ministrada pelo Chefe da Agência Central de Inteligência, Coronel da Polícia Militar de Santa Catarina Adilson Luiz Pacheco.

14h15 às 14h50 – “Riscos, desafios e como a hotelaria pode se adaptar a Lei Geral de Proteção de Dados”

No Brasil, a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) passa a valer em agosto de 2020. Contudo, o prazo para a adaptação é fevereiro daquele mesmo ano. Este tema será discutido pelo advogado e Mestre em Ciência Jurídica Tullo Cavallazzi Filho. Na palestra será abordado o reflexo das novas leis de proteção de dados perante as atividades hoteleira e prestadores de serviços.

14h55 às 15h40 – “A Economia do Mar e seu impacto nos meios de hospedagem”      

Michele Castilho, jornalista, bacharel em direito, gestora de Turismo, consultora, empresária e diretora de Turismo e Eventos da Associação Náutica Brasileira falará sobre o setor náutico, pois as rotas comerciais da antiguidade geraram os primeiros centros de hospedagem – um impacto importante que demonstra o quanto a Economia do Mar pode transformar e movimentar toda uma cadeia produtiva.

18h às 19h – “Robôs e a Inteligência Artificial trazendo o Futuro para o Presente na Hospitalidade”

Jorge Della Via Junior vai dar dicas de atenção à transformação digital. A inteligência artificial impacta na experiência do hóspede e também na gestão e condução do empreendimento. O profissional tem experiência de 25 anos na área de Tecnologia da Informação com foco na gestão de Planejamento Estratégico, Desenvolvimento de Novos Negócios, Inovação e Tecnologia.

Além destas, outras palestras e eventos paralelos fazem parte da ampla programação do evento.

 

Serviço:

O que: ENCATHO & EXPROTEL

Quando: 13 a 15 de agosto

Onde: CentroSul – Florianópolis

Quanto: Entrada Gratuita

Informações e Inscrições: www.encatho.com.br | 3222-8492

Realização: ABIH-SC

 

Divulgação:

Vânia Monteiro e Adriana Bonin – VM Comunicação

(48) 99678-3883 |3093-0933

vania@vmcomunicacao.com.br

Audiência pública debate concessão do centro de eventos de Balneário Camboriú

 

A população teve a oportunidade de conhecer todos os detalhes do processo de concessão do Centro de Eventos de Balneário Camboriú em audiência pública realizada na tarde desta quarta-feira, 24. Agora, abre-se um prazo de 30 dias de consulta pública para que qualquer interessado apresente sugestões. O debate foi realizado no Teatro Municipal Bruno Nitz, em Balneário Camboriú, e teve a participação de cerca de 250 representantes da sociedade civil organizada e da comunidade.

A concessão do equipamento turístico é a primeira do Programa de Parcerias e Investimentos do Estado de Santa Catarina (PPI-SC), conduzido pela SCPar. A licitação está sob responsabilidade da Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina (Santur).

De acordo com a presidente da Santur, Flavia Didomenico, a concessão do Centro de Eventos tem potencial para impulsionar significativamente o turismo em Balneário Camboriú. “Vai alavancar a economia de toda a região, que já conta com uma rede hoteleira, de comércio, serviços e atrativos turísticos muito rica. Agora se abrem mais oportunidades para a atração de eventos e geração de negócios”, afirmou.

Uma das preocupações do setor é a captação e agendamento de eventos futuros. Para atender a essa demanda, a presidente da Santur anunciou a nomeação de um profissional exclusivo. Até o momento, já há 12 pré-reservas de eventos, com realização a partir de julho de 2020. São seis formaturas, cinco feiras e um congresso. Todos eles farão parte do termo de referência para que a concessionária possa alinhar os procedimentos comerciais necessários. Interessados em agendar eventos podem entrar em contato com Carlos Eduardo de Sá, pelo telefone (48) 3665-7455.

audiencia_publica_debate_centro_de_eventos.jpeg Foto: Cristiano Estrela (Secom-SC)

Primeira concessão da história
O presidente da SCPar, Gustavo Salvador Pereira, ressaltou que esta é a primeira concessão realizada pelo Estado de Santa Catarina. “Após a reforma administrativa, a SCPar assume um papel responsável pela modelagem dos projetos de desestatização. Este é um momento muito importante para o nosso estado”, afirmou.

A expectativa é que o contrato de concessão chegue a R$ 144 milhões. O valor leva em conta a outorga inicial, que deve ser paga antes da assinatura do contrato, e a projeção de receitas ao longo de 20 anos por parte da companhia.

A audiência contou com uma apresentação técnica da equipe da SC Par, que detalhou o termo de referência que vai balizar o processo de concessão e as premissas financeiras que integram o estudo para a licitação. A proposta é que o contrato com a empresa vencedora tenha vigência de duas décadas.

O termo de referência prevê, ainda, a realização de investimentos mínimos e obrigatórios por parte da empresa vencedora, tais como a compra e instalação de mobiliário, equipamentos e demais sistemas necessários à operação comercial. Além disso, o documento inclui a pavimentação do estacionamento com paver de concreto e a adequação do acesso pela via marginal da BR-101.

Audiência_pública_centro_de_eventos_BC.jpeg Foto: Cristiano Estrela (Secom-SC)

Consulta pública aberta
Os documentos da audiência já estão disponíveis no site do PPI-SC, na aba “Consultas públicas”. Até o dia 23 de agosto, ainda será possível encaminhar sugestões pelo site ou pelo e-mail ppi@scpar.gov.br.

Durante a audiência pública, realizada pela Santur e SCPar, com apoio da prefeitura de Balneário Camboriú, foram enviados e respondidos 17 questionamentos à equipe técnica.

Conforme o secretário executivo de Parcerias Público-Privadas (PPPs) da SCPar, Ramiro Zinder, a audiência pública não tinha obrigatoriedade legal para essa concessão, mas o Governo do Estado decidiu realizá-la para dar maior transparência. “Como é um contrato de 20 anos, é importante que façamos de modo responsável, porque essa concessão vai passar por cinco governos e precisa permanecer sólida”, destacou Zinder.

Além dos representantes do Governo, participaram da audiência o prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira e a deputada estadual, Ana Paula da Silva (PDT).

 

Fonte: Santur

Turismo de negócios cresce 14,7% no primeiro semestre do ano

 

Setor também teve alta de quase 15% nos gastos destes turistas no Brasil.

Durante o primeiro semestre de 2019, as viagens a negócio no Brasil cresceram 14,7%, se comparado com o mesmo período do ano passado. Os dados são de um levantamento da Associação Brasileira das Agências de Viagens Corporativas (Abracorp), realizado com empresários do setor. O aumento no índice, consequentemente, gerou mais receita para o país. Os gastos destes turistas também cresceram 14,8%, saindo de R$ 4,85 bilhões, nos seis primeiros meses de 2018, para R$ 5,57 bilhões neste ano.

O ministro do Turismo interino, Daniel Nepomuceno, comemorou o dado, já que este tipo de viagem possui grande relevância para o desenvolvimento do segmento de Viagens, movimenta ainda mais a economia nacional e ajuda a minimizar o efeito da sazonalidade no setor. Dados do Ministério do Turismo comprovam que a receita gerada pelos turistas internacionais que vem ao Brasil a negócios é 33,4% maior que para viagens a lazer.

“O Brasil apresenta grande potencial para a realização destes tipos de eventos, que podem ser o norte para desenvolvermos o turismo dentro e fora do país. Para nós, isso é animador, pois o turismo de negócios reduz a sazonalidade do setor e atrai turistas especializados que podem gastar acima do esperado, resultando em emprego e renda” finalizou.

Entres os setores que mais apresentaram alta, de acordo com a pesquisa da Abracorp, estão o rodoviário, o de hotelaria e o de aviação, que cresceram 56,8%; 25,7% e 24,8%, respectivamente. Juntos, os três movimentaram mais de R$ 3,3 bilhões na economia do país. As principais rotas responsáveis pelo crescimento no setor aéreo são localizadas nas pontes aéreas Rio/São Paulo e Brasília/São Paulo.

Para o diretor-executivo da Associação Brasileira das Agências de Viagens Corporativas (Abracorp), Gervasio Tanabe, as medidas propostas pelo atual governo podem ter provocado este crescimento. “Todas as ações, nestes primeiros seis meses, sinalizam de forma positiva uma expectativa de alta no mercado de Viagens. Isso muda até o ânimo das empresas, fazendo com que elas se movimentem ainda mais e que seja possível alcançar esse aumento de quase 15% em todo o ano de 2019”.

Tanabe ainda destacou que o setor de infraestrutura deve impulsionar ainda mais esse crescimento no resto do ano. “A partir dos anúncios, feitos pelo governo, de investimentos na infraestrutura, acho que o setor terá um aumento ainda maior. Na medida que se investe na privatização de empresas, o capital se movimenta”, concluiu o diretor.

Dados do Ministério do Turismo apontaram que, em 2018, o turismo de negócio foi o segundo principal motivo da vinda de estrangeiros para o Brasil. Do número total, 13,5% visitaram o país com esta finalidade. Entre os destinos mais procurados estão São Paulo (48,7%), Rio de Janeiro (19,7%), Curitiba (4,5%), Campinas (3,9%) e Porto Alegre (3,4%). O gasto médio per capita, por dia, desses viajantes foi de US$ 84,33.

Recentemente, um estudo mundial da Associação Internacional de Congressos e Convenções (ICCA) apontou o Brasil como o principal destino latino-americano para a realização de congressos e eventos corporativos. Em todo mundo, o país está entre os 20 destinos mais procurados pelos executivos para a realização de eventos deste tipo, ocupando a 17ª posição. São Paulo, Rio de Janeiro e Foz do Iguaçu lideram a lista das cidades mais demandadas no Brasil.

INVESTIMENTOS – O Ministério do Turismo tem destinado investimentos constantes em projetos de infraestrutura para fomentar o turismo de negócios. Ao todo, a Pasta investiu R$ 103 milhões na construção, reforma e compra de equipamentos para centros de convenções, viabilizando a ampliação de eventos corporativos em centros urbanos de médio e grande porte.

Fonte: Ministério do Turismo

Reunião de Diretoria Executiva da ABIH-SC

Osmar José Vailatti presidiu a reunião da diretoria executiva da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Santa Catarina – ABIH-SC, realizada nesta quinta-feira(25/07), que teve como pauta a apresentação do relatório financeiro e ações referente ao 32° Encatho & Exprotel, evento que acontece de 13 a 15 de agosto no CentroSul em Florianópolis.

Neste ano o tema será “Soluções e Inovações para a Hotelaria”, abrindo espaço para discussões que permeiam a hotelaria do país e do mundo, incluindo produtos diferenciados, serviços, software que facilitam o gerenciamento, tecnologias que podem auxiliar a alavancar as vendas e os negócios, e ainda esclarecimento sobre leis e obrigatoriedades que o setor hoteleiro deve se adaptar para melhor atender o público.

www.encatho.com.br

McPlast Embalagens – Sócio Colaborador ABIH-SC

McPlast é fabricante de embalagens plásticas transparentes, sacos de variados tamanhos e sacos para lixo.
A empresa já está a 9 anos nesse ramo, e achou uma oportunidade de crescimento em vendas diretas para hospitais e hotéis e outros estabelecimentos.
Hoje atendem o território nacional garantindo uma qualidade de ponta.

Endereço:

Orleans – SC
Cep: 88870-000
Estrada Geral Serraria – S/N
Contato:

Laion Schlickmann

48 9 9694-0077

vendas.laion@gmail.com

Informativo ABIH-SC 18 de julho

 

No Informativo ABIH-SC de 18 de julho você vai ler:

Faltam menos de 30 dias para o grande encontro da hotelaria na região sul do país;-Beto Carrero World, a fantasia que te leva;-Alcance, converta e retenha mais hóspedes;- Planejamento de ações de promoção e qualificação para o 32º Encatho & Exprotel;-MTur reabre inscrições para curso gratuito de atendimento ao turista;-A pousada Bananal Ecolodge duplica a sua taxa de ocupação com a tecnologia da SiteMinder;-200 dias: Um Turismo feito de empregos, parcerias e inclusão social;- Associados ABIH-SC!

 

Leia também: Faltam menos de 30 dias para o grande encontro da hotelaria na região sul do país